Com altos preços, Flamengo e Emelec pode ter público abaixo da média dos últimos jogos

Restando 24 horas para realização da partida, apenas 35 mil ingressos foram vendidos para duelo que pode sacramentar classificação para fase mata-mata da Libertadores

Com altos preços, Flamengo e Emelec pode ter público abaixo da média dos últimos jogos
Foto:(Gilvan de Souza/Flamengo)

No domingo (13), às 11h, 35 mil ingressos haviam sido vendidos para a partida contra o Emelec, pela Libertadores, segundo a assessoria do Flamengo. Dois dias depois, a mesma parcial é divulgada, gerando dúvidas entre os rubro-negros se houve algum erro de digitação ou realmente a procura pelos ingressos era baixa, algo incomum se tratando da relação entre os fãs da equipe e o Maracanã, local da partida.

O pouco público assusta mais ainda pelo apelo da partida. O Rubro-Negro tem a chance, após oito anos, de se classificar para as oitavas de final da Libertadores da América em caso de vitória contra o Emelec, nesta quarta-feira (16).

Além disso, a equipe vive um bom momento após tempos de crise durante o ano. Hoje, o Flamengo é líder do Campeonato Brasileiro - empatado com Corinthians e Atlético-MG em pontos -, está classificado para as quartas de final da Copa do Brasil e tem uma oportunidade de ouro de sacramentar sua sequência na principal competição do continente.

Porém, a baixa procurar tem uma explicação: o preço dos ingressos. Algo bem questionado tanto em nosso país como no mundo afora, o valor das entradas sempre é um ponto debatido para a presença do torcedor do estádio.

Com arenas modernas e novas políticas, o gasto para ir a um estádio ver uma partida de futebol aumentou circunstancialmente e hoje é um empecilho para muitos fãs, que acabam tendo que ver da televisão por muitas vezes.

Para a partida entre Flamengo e Emelec, pela quinta rodada do Grupo 4 da Libertadores, a diretoria do Flamengo cobrou 90 reais como o valor mais barato para o torcedor comum ir ao Maracanã.

Esse preço se reduz para o sócio-torcedor do clube, cujas parcelas mensais giram em torno de 40 a 200 reais, para 50 reais. Lembrando que esse preço é em um dos setores atrás do gol no estádio, tratado como mais popular. Em geral, as entradas variam entre 50 e 550 reais.

Veja o preço dos ingressos no Maracanã contra o Emelec:

Norte
Sócio-torcedor dos planos Raça e superiores: R$50,00
Sócio-torcedor dos planos Tradição: R$90,00 
Sócio-torcedor Nação Jr e público geral: R$180,00 (R$90,00 meia)

Sul
Sócio-torcedor dos planos Raça e superiores: R$60,00
Sócio-torcedor dos planos Tradição: R$100,00 
Sócio-torcedor Nação Jr e público geral: R$200,00 (R$100,00 meia)

Leste Superior
Sócio-torcedor dos planos Raça e superiores: R$70,00
Sócio-torcedor dos planos Tradição: R$120,00 
Sócio-torcedor Nação Jr e público geral: R$240,00 (R$120,00 meia)

Leste Inferior
Sócio-torcedor dos planos Raça e superiores: R$90,00
Sócio-torcedor dos planos Tradição: R$150,00 
Sócio-torcedor Nação Jr e público geral: R$300,00 (R$150,00 meia)

Oeste Inferior
Sócio-torcedor dos planos Raça e superiores: R$80,00
Sócio-torcedor dos planos Tradição: R$135,00 
Sócio-torcedor Nação Jr e público geral: R$270,00 (R$135,00 meia)

Maracanã Mais
Sócio-torcedor dos planos Raça e superiores: R$200,00
Sócio-torcedor dos planos Tradição: R$300,00 
Sócio-torcedor Nação Jr e público geral: R$550,00 (R$300,00 meia)

Obs.: a categoria Tradição do sócio-torcedor do clube se dá para os fãs que pagam mensalmente 30 reais, porém, tem menos benefícios que os outros planos.