Goiás visita Boa Esporte mirando a vice-liderança da Série B

Equipes se encontram em momentos opostos na competição

Goiás visita Boa Esporte mirando a vice-liderança da Série B
Lucão está suspenso e desfalca o Goiás na partida (Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás)
Boa Esporte
Goiás
Boa Esporte: Fabrício; Maycon, Rodrigo, Luan e Jadson; Djavan, PH e Aldo; William Barbio, Manoel e Alysson. Técnico: Ney da Matta
Goiás: Marcos; Alex Silva, David Duarte, Victor Ramos e Ernandes; Gilberto, João Afonso (Léo Sena) e Renato Cajá; Michael, Júnior Viçosa e Maranhão. Técnico: Ney Franco
ÁRBITRO: Wagner Reway (MT) Assistentes: Fabio Rodrigo Rubinho e Marcelo Grando (MT)
INCIDENCIAS: Partida válida pela vigésima sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Disputada no estádio do Melão, em Varginha (MG), às 16h.

O confronto entre Boa Esporte e Goiás é um dos que abrem a 26ª rodada da Série B nesta sexta-feira (6), às 16h, no estádio do Melão, em Varginha (MG). Enquanto os visitantes vão em busca da vice-liderança, os comandados de Ney da Matta, na última colocação, precisam da vitória se desejam respirar na competição.

O Boa, além de praticamente não ter tido descanso, já que a partida contra o Coritiba foi na última terça-feira, a qual o resultado também não foi favorável. No Couto Pereira, a equipe perdeu por 2 a 1 e ainda viu um de seus principais jogadores ser expulso. Por conta do cartão vermelho, Juninho Potiguar não estará à disposição para a partida. Já o Esmeraldino vive situação totalmente oposta: com 42 pontos, o time comandado por Ney Franco pode assumir a vice-liderança caso vença e se o CSA, segundo colocado, perder do Figueirense, que está em sexto. Na última rodada, o time goiano conquistou um ótimo resultado ao vencer o Guarani fora de casa por 2 a 0, após ter derrotado, na partida anterior, o líder Fortaleza por 3 a 1.

No primeiro turno, em circunstâncias bem distintas das atuais, os times se enfrentaram e o Boa bateu o Goiás por 2 a 1 com dois gols de pênalti fora de casa.

Boa aposta em recente retrospecto em casa

O Boa Esporte terá praticamente "força máxima" para o confronto. A equipe, que vem poupando jogadores quando atua fora de casa, aposta todas as suas fichas para os jogos dentro do Estádio Municipal de varginha para tentar escapar do rebaixamento na reta final da competição.

Contra os goianos, o técnico Ney da Matta terá os retornos do lateral-esquerdo Kaio Cristian, do meia Bruno Tubarão e do atacante Douglas Baggio, que cumpriram suspensão automática contra o Coritiba. Outros cinco jogadores poupados contra o Coxa também devem retonar à equipe titular.

Mesmo parecendo arriscada, a estratégia do Boa Esporte de apostar todas as suas fichas em casa vem dando resultado. Tanto que nos últimos cinco jogos realizados em Varginha, o Boa venceu quatro. Ainda assim, a equipe segue na lanterna da competição, a sete pontos do Brasil de Pelotas, primeiro time fora do Z-4.

Goiás com mudanças

O time esmeraldino vem numa sequência incrível: venceu Fortaleza e Guarani, forte candidatos ao acesso, nas últimas rodadas. Vem bastante embalado, mas terá mudanças para o duelo, a principal delas a perda de Lucão, artilheiro da Série B. Ele e Giovanni estão suspensos após terem levado o terceiro amarelo. Rafinha foi vetado pelo departamento médico após sentir contratura muscular e pelo seu lugar, Maranhão e Felipe Gedoz disputam. Além deles, Victor Ramos e Alex Silva retornam nas vagas de Edcarlos e Caíque Sá após terem cumprido suspensão.

Para o atacante Michael, é importante encarar o adversário com humildade, mesmo que ele ocupe a última colocação. “É outra equipe forte, que é bem postada. Nós vamos com a mesma humildade e dedicação. Jogos fora de casa são complicados. Nós vamos dar o nosso melhor e que possamos sair com a vitória”, garantiu.