Cuca vê Santos melhor em empate contra o São Paulo: "Poderia ter sido vitória"
(Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Cuca vê Santos melhor em empate contra o São Paulo: "Poderia ter sido vitória"

Técnico desconversa sobre arbitragem e evita comparar Gabigol com Gabriel Jesus

flazaro14
Fábio Lázaro

O Santos empatou sem gols contra o São Paulo neste domingo (16), mas em entrevista coletiva após a partida o técnico Cuca afirmou que o Peixe poderia sair vencedor, principalmente pelo desempenho no primeiro tempo. Com o empate, o Santos completou o nono jogo sem perder e oitavo sem sofrer gols, o que não acontece desde 1955. 

+ Confira as ofertas de nosso parceiro FutFanatics

"O resultado poderia ter sido vitória principalmente pelo primeiro tempo fantástico, controle, variação. Não teve grande chance, mas rondamos a área e poderíamos ter feito. São Paulo abriu um pouco mais e nos deu a velocidade. No segundo tempo, ninguém aguenta o ritmo frenético, baixou um pouco o ritmo, mas tivemos duas grandes oportunidades", disse o treinador. 

Irritado com o árbitro Ricardo Marques Ribeiro no final do jogo, Cuca evitou falar sobre a arbitragem na coletiva. 

"Não vou falar nada na arbitragem, difícil, pressão enorme, clubes mandando relatório para a CBF e pressão é tremenda. Prefiro nem falar nada".

Questionado sobre posicionamento de Gabriel, que flutuou nas beiradas de campo mesmo escalado como centro avante, Cuca discordou da comparação com Gabriel Jesus, centro avante de Cuca na conquista do Campeonato Brasileiro pelo Palmeiras. 

Cuca aproveitou a coletiva para deixar um recado ao empresário do zagueiro Robson Alves, o Bambu. Titular na ausência de Lucas Veríssimo, contundido, Bambu tem contrato até o final de 2018 e o Peixe têm problemas para renovação.

"Menino que estava ali, vimos potencial dele nos treinos. Estamos muito contentes, mas teremos que conversar de perto logo logo. Finda o contrato e queremos que fique. Demoraram? Vamos falar agora. Vai ficar, é menino, tem que valorizar o clube que o fez e é recado para empresário. Pode ser prejudicado e não jogar mais. Tem que valorizar o que foi feito aqui, passado é passado, agora estamos procurando e vamos conversar de perto". 

O Santos folga nesta segunda (17) e Cuca volta a comandar o treinamento do Peixe na tarde desta terça (18) visando a partida contra o Cruzeiro no próximo domingo  (23). 

VAVEL Logo