Chapecoense vence São Paulo na Arena Condá e garante permanência na Série A
Divulgação/saopaulofc.net

Chapecoense vence São Paulo na Arena Condá e garante permanência na Série A

Com o jogo disputado do início ao fim, o time da Chapecoense foi mais eficiente e pode garantir a vitória diante de sua torcida e garantir a fuga do rebaixamento

agnesrigas
Agnes Rigas
ChapecoenseJandrei Brun Pacheco; Bruno; Douglas; Eduardo; Márcio Araujo; Amaral; Diego Torres; Wellington Paulista; Leandro Pereira; Canteros.
São PauloJean; Edimar;Alves; Arboleda; Araruna; Liziero; Hudson; Éverton; Nenê; Helinho; Diego Souza.
Placar1-0, min 69, Leandro Pereira.
INCIDENCIASPartida válida pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Partida feita na Arena Condá em Chapecó.

Nessa eletrizante última rodada do Campeonato Brasileiro, a Chapecoense recebeu na Arena Condá o São Paulo para o último jogo da temporada. Com a Chape precisando da vitória para escapar da série B e o Tricolor paulista precisando de um resultado positivo visando a fase de grupos da Libertadores, fizeram um jogo digno de final de campeonato. Sendo disputado do início ao fim, a Chape acabou levando a melhor ganhando de 1 a 0 e garantindo sua permanência.

No primeiro tempo de jogo,  sabendo da sua complicada situação na tabela da competição, a Chapecoense sabia que precisaria começar o jogo pressionando o adversário. Tendo a maior posse de bola no início da partida, o mandante do jogo começou a arquitetar algumas jogadas perigosas para ver se conseguia abrir o placar logo nos primeiros minutos.

Mas logo em seguida, chegando aos 20 minutos de jogo,  o time do São Paulo acordou para dentro de campo e começou a mostrar sua superioridade. E com seus ótimos jogadores de ataque, o Tricolor estava pressionando de todas as formas que podia, mas poucos minutos, viu a partida ficar equilibrada e a Chapecoense não abaixou a cabeça e começou a incomodar o gol do Jean novamente.

Com os primeiros 45 minutos de jogo bem equilibrados, a Chape conseguiu ter um bom começo de jogo mas logo em seguida o São Paulo entrou na partida e pode equilibrar. Mas o time mandante  saiu para o vestiário vivendo o um melhor momento na partida já que conseguiu se portar dentro de campo e apagar as jogadas de ataque perigosas do time paulista.

Com o início do segundo tempo, as duas equipes viviam um bom momento no término da primeira parcial do jogo, porém mesmo com o São Paulo sendo bastante pressionado, não tinha perdido as rédeas da partida. O que fez os primeiros minutos bem disputados. Com a posse de bola balanceada, a todo momento passando de um time para o outro, jogadas de ataque aconteciam mas nenhuma que sortisse um grande perigo para os dois lados. Até que o gol da Chapecoense acontece.

Jogada originada por Canteros que faz um cruzamento pelo lado direito e acha o Leandro Pereira em ótimas condições para mandar a bola para o fundo das redes e abrir o marcado para o time da casa. Mas mesmo com o placar ao seu favor, o São Paulo não desistiu do jogo. Mas levando em conta o resultado positivo, o time da Chape fez de tudo para que esse resultado fosse mantido.

Mantendo a posse de bola até o final, o São Paulo em todo o jogo só teve uma chance realmente perigosa e a forma como o adversário estava postado em campo, não deixa que o Tricolor tivesse chances reais na partida, e mesmo com a derrota, termina na quinta colocação do Campeonato Brasileiro. Em várias rodadas terminou sendo líder da competição, com uma campanha ótima no primeiro turno, viveu uma queda livre durante o segundo turno e agora terminou garantindo vaga para disputar a pré Libertadores no próximo ano.

A Chapecoense que começou a partida pressionada, pois precisava da vitória para garantir a sua permanência na série A, em nenhum momento de acanhou dentro de campo. Sempre disputando de igual para igual sabendo a importância que, uma vitória nessa última rodada significaria muito pelo ano complicado que a equipe passou.  Diante da Arena Condá lotada, a Chapecoense teve o apoio de seus torcedores e pode garantir sua permanência na elite do futebol nacional em 2019.

VAVEL Logo