Enderson se mostra tranquilo apesar de má fase do Ceará: "Não me sinto pressionado"
Treinador criticou o futebol brasileiro após a derrota para o Atlético-MG (Reprodução Ceará SC)

Apenas três pontos conquistados em 24 disputados. Essa é a realidade do Ceará no atual recorte do Campeonato Brasileiro. São oito jogos seguidos sem saber o que é vencer na Série A. 

Após a derrota, de virada, ante o Atlético-MG, fora de casa, o treinador Enderson Moreira, em entrevista coletiva, tratou de colocar panos quentes em uma pressão que vem se acumulando. 

"Eu não me sinto pressionado a ponto de não conseguir observar as dificuldades de uma Série A, mas eu me recuso a ter uma ideia de jogo diferente do que eu sempre acreditei no América-MG, Goiás, Bahia. Se é isso, não vou fazer. Como nós enfrentamos o Cruzeiro, Corinthians, Flamengo, dois gols bem anulados, mas um time que enfrentou e jogou, isso que me orgulha", disse. 

Ocupando a 14ªposição, tendo somado 23 pontos, agora o Vovô pode ser ultrapassado pelo rival Fortaleza, que enfrenta o Botafogo no complemento da rodada e, de quebra, ainda ver a distância para o Cruzeiro, time que abre a zona do rebaixamento, cair para somente um ponto, caso os mineiros vençam o Goiás, no Serra Dourada, nesta segunda-feira (30), às 20h. 

Para engrenar! O Alvinegro tem a oportunidade de dar a volta por cima logo em um confronto direto para permanência na elite do futebol brasileiro. No próximo domingo (6), diante do Goiás, às 16h, na Arena Castelão, em partida válida pela 22ª rodada. 

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo