Em aberto: na final da B1 carioca, Sampaio Corrêa e Nova Iguaçu fazem jogo de seis gols
Foto: Vitor Melo/ NIFC

Os primeiros 90 minutos da decisão da segunda divisão carioca foi encerrado neste sábado (12). Em Saquarema, o Sampaio Corrêa recebeu o Nova Iguaçu e ambos vão para a Baixada com um 3 a 3 parcial. Após dois golaços do lateral direito Digão, os visitantes sofreram o revés nos acréscimos, com gol de Maicon Douglas aos 50 minutos.

A partida começou promissora para o Nova Iguaçu. Com um primeiro tempo superior, Digão abriu o placar em um rebote de falta, aos 12 minutos de jogo. Em seguida, de pênalti, Alexandro “Créu” empatou para o Sampaio. Apesar disso, as melhores chances passavam aos pés do ataque do Nova, incluindo uma bola na trave do goleiro Raunle. 
Ainda assim, Digão mais uma vez deixaria os visitantes em vantagem, com nova finalização de fora da área, aos 27 minutos. Patric deixaria tudo igual antes do intervalo.

Virada de chave

No último lance da primeira etapa, o atacante Luã Lúcio levava seu segundo cartão no jogo, ocasionando em expulsão. Com um a menos, o Nova Iguaçu viu o Sampaio Corrêa crescer e levar mais perigos ao gol nos 45 minutos finais.

Explorando os contra-ataques do Sampaio, o Nova Iguaçu ainda marcaria mais um golaço, através da jogada individual de Leonardo, aos 30 minutos da parte final. Prontos para abafar e evitar a derrota em casa, o Galo de Saquarema obteve êxito no instante final, com gol de Maicon Douglas, aos 50 minutos, que deixou tudo igual na decisão
O segundo jogo da decisão está agendado para quarta-feira (16), às 15h, no estádio Jânio Moraes, o “Laranjão”.

VAVEL Logo