Tom Brady estreia nos Buccaneers com duas interceptações em derrota para os Saints
(Michael C. Hebert/New Orleans Saints)

O New Orleans Saints acabou com toda a empolgação pela estreia de Tom Brady no Tampa Bay Buccaneers e venceu dentro de casa por 34 a 23 neste domingo (13). O triunfo do time de Drew Brees veio em virada após o camisa 12 de Tampa conseguir abrir o placar com o quarterback, mas não conseguiu manter o mesmo ritmo ao longo do jogo.

A vitória dentro do Mercedes-Benz Stadium faz os Saints iniciarem a temporada com o pé direito e largar na liderança da NFC Sul. Como apenas a franquia de New Orleans venceu, o time terá um trunfo importante na busca pelo título da divisão e classificação aos playoffs desta temporada.

O jogo

O confronto entre dois dos maiores quarterbacks da história da NFL foi cercado de muita expectativa pela qualidade que dois iriam apresentar e isso ficou evidente logo no começo. Na primeira campanha de Tom Brady pelo Tampa Bay Buccaneers, o camisa 12 em 9 jogadas e 85 jardas conseguiu converter em um touchdown corrido do próprio QB. As jogadas seguintes renderam um punt para cada lado, mas os Saints logo empataram com Alvin Kamara no início do segundo quarto.

O empate, no entanto, desconcentrou Tampa Bay que não conseguiu encaixar as jogadas e a interceptação de Tom Brady causou um caos para a equipe. Menos de um minuto depois, Kamara novamente apareceu para virar o placar. Com New Orleans muito melhor na defesa, os Buccaneers ainda contaram com um field goal bloqueado e virar Will Lutz converter os três pontos para os donos da casa.

A volta do intervalo seria crucial para os Buccaneers voltarem ao jogo com 10 pontos atrás do placar. No entanto, a interceptação de Brady retornada para touchdown aumentou ainda mais a pressão sobre a equipe. O lado bom é que na jogada seguinte OJ Howard conseguiu se livrar da marcação e converter o primeiro TD no segundo tempo.

A partir desse momento, os Saints não conseguiam embalar o jogo devido a forte marcação de Tampa Bay e o ataque de Bruce Arians buscava pelo alto conseguir voltar para o jogo, mas também esbarrava na forte defesa de New Orleans que deixou apenas um field goal de Succop ser convertido.

O que até poderia ser uma reviravolta no duelo acabou sendo decretado no início do último quarto. Emannuel Sanders anotou um touchdown nos primeiros segundos e logo no kickoff a defesa dos Bucs aprontou e entregou a bola gratuitamente para New Orleans.

O fumble acabou rendendo um field goal que rendeu o placar de 34 a 17 com pouco menos de oito minutos e apenas levou aos Saints a queima de cronômetro com Tampa não conseguindo produzir mais nenhuma campanha de destaque. Apesar disso, Mike Evans voltou a diminuir o placar com o seu primeiro TD, mas que na sequência teve uma conversão de dois pontos frustrada e o 34 a 23 decretada.

Estatísticas

New Orleans Saints: Drew Brees (18 de 30 passes completados, 160 jardas e 2 touchdowns) e Latavius Murray (15 tentativas de corridas e 48 jardas).

Tampa Bay Buccaneers: Tom Brady (23 a 36 passes completados, 239 jardas, 2 touchdowns passados, 1 touchdown corrido e 2 interceptações) e Chris Godwin (6 recepções e 79 jardas).

Próximos jogos

O Tampa Bay Buccaneers buscará se redimir da derrota diante do Carolina Panthers no Raymond James Stadium no domingo (20), às 14h. Os Saints tentarão manter a sequência de vitórias contra o Las Vegas Raiders na segunda-feira (21), às 21h20, no Allegiant Stadium, em Las Vegas.

VAVEL Logo