Murray e Soares não tem dificuldades e avançam em Monte Carlo
Foto: ATP World Tour / Divulgação

A chave de duplas no Masters 1000 de Monte Carlo anda bem movimentada nesta edição, e para os brasileiros continua muito boa até o momento. Com Marcelo Melo já classificado de um lado da chave, o mineiro Bruno Soares e seu parceiro, o britânico Jamie Murray, entraram na Quadra 2 do Monte Carlo Country Club para enfrentar o veterano Tommy Haas ao lado do duplista filipino Treat Huey. Partida sem complicações e resolvida em sets diretos para os cabeças de chave 3 do torneio, e de maneira rápida.

O 1º set teve um domínio presente o tempo todo do jogo de Murray e Soares, mesmo que Huey tentasse algo para ajudar Haas, porém sem sucesso. A dupla do brasileiro não enfrentou nenhuma dificuldade em seus serviços, nem mesmo qualquer Break foi avistado. Já Haas / Huey tiveram Breaks contra em vários momentos, salvando 4 dos 5, e cendendo a derrota no set por 6/3. O aproveitamento de 2º serviço das duplas mostra bem como o jogo andava apenas para 1 lado da quadra. Enquanto Murray / Soares converteram 8 pontos, dos 15 sacados com o 2º serviço, Haas / Huey conseguiram converter apenas 1 dos 8 utilizados neste set.

A 2º parte do jogo não teve grandes alterações no seu andamento. Haas / Huey colocaram um pouco mais de 1º serviço em quadra e tiveram relativo sucesso quando usaram isso, porém não conseguiram segurar os Breaks contra novamente, quando o 2º serviço era necessário. Desta vez foram 2 reveses, matando as chances deles tentarem uma virada. O 6/2 veio, também rapidamente, e a partida encerrada com apenas 59 minutos de disputa total.

Na próxima rodada, nesta sexta (21), Murray e Soares terão a dupla do monegasco Romain Arneodo e o francês Hugo Nys, que ganharam Wild Card para a disputa da chuve principal do Masters monegasco, e passaram pelos cabeças de chave 8, o holandês Jean-Julian Rojer e o romeno Horia Tecau, também em sets diretos.

VAVEL Logo