Azarenka prevalece em jogaço contra Konta e volta à uma decisão após 18 meses
Foto: Divulgação/Cincy Tennis

 A sexta-feira (28) teve um jogo completamente maluco no WTA Premier 5 de Cincinnati. A #59 Victoria Azarenka acabou prevalecendo sobre a #15 Johanna Konta por por dois sets a um.

A disputa, porém, passou longe de seguir qualquer tipo de padrão. Em longas 2h20 de jogo, a ex-número um do mundo superou a inferioridade em números de aces (nove a sete) e máximo de pontos conquistas em sequência (seis a cinco), além do maior número de duplas faltas (três a cinco) para vencer a australiana, mais bem colocada no ranking.

Azarenka volta à uma decisão desta magnitude pela primeira vez em quatro anos - Miami 2016, quando bateu Kuznetsova na final. Além disso, ela sobe pelo menos para a 35ª colocação do ranking com esta campanha.

Equilíbrio e garra

As duas atletas, desde o primeiro momento, mostraram, além da técnica, muita fibra. Já no segundo game, que teve nove pontos, Azarenka teve a chance de quebrar o serviço da rival, mas não conseguiu. No quinto game, porém, a bielorrussa foi abatida por Konta - o único serviço perdido no primeiro set.

O nono game do primeiro set, porém, foi um grande momento não só do jogo, mas de todo o torneio. Ao todo, foram 15 pontos. Com Azarenka sacando, Konta teve sets set points. A bielorrussa salvou todos e confirmou o game - deixando a peleja 5/4. A australiana, porém, venceu o primeiro set no game seguinte - fechando em 6/4.

Intensidade e caos

O segundo set também teve uma série de situações inusitadas. Nos dois primeiros games, Azarenka já fez 0/2 - quebrando o serviço de Konta no segundo período. Konta devolveu o "favor" no game seguinte, mas a bielorrussa repetiu a situação na sequência. Ou seja: em quatro games do segundo set, três incluíram quebra de serviço.

Após um leve momento de normalidade (quatro games com serviço confirmado), a situação voltou a ficar maluca no final do segundo set. No nono game, Konta, após dois break points, enfim conseguiu confirmar a quebra de serviço. No momento seguinte, porém, Azarenka fez 6/4 e empatou a partida.

Tranquilidade

Após dois primeiros sets com uma série de situações incomuns, Azarenka conseguiu, no momento decisivo da partida, mostrar soberania. Até o terceiro set, todos os games foram confirmados. No quarto, com Konta vencendo, a bielorrussa venceu - e fez 4/1, já confirmando o game seguinte.

No sexto game, mais uma quebra de serviço de Azarenka. Com 5/1 no placar, só faltava fechar mais um game. E foi o seguinte, quando a bielorrussa confirmou o serviço e a vitória.

Próximos jogos

A final do Western & Southern Open será entre duas ex-líderes do ranking. Azarenka enfrenta a #10 Naomi Osaka, que venceu a #22 Elise Mertens na outra semifinal.

VAVEL Logo