Ostapenko leva susto, mas vence Xiyu Wang na estreia do WTA 1000 de Miami 
Jelena Ostapenko venceu Wang Xiyu no WTA 1000 de Miami (WTA / Divulgação)

Teve um grandes deslize, é verdade, mas, no fim das contas, a #54 Jelena Ostapenko conseguiu vencer a wildcard #134 Xiyu Wang, 19 anos, e confirmar o favoritismo no duelo da primeira rodada do WTA 1000 de Miami. A partida, realizada nesta terça-feira (24), teve vitória da vice-campeã de 2018 por dois sets a um.

Com dificuldade, a ex-top 5 venceu o primeiro set por 6/4. No segundo, a surpresa: vitória da chinesa no tiebreak - o 7/6 veio após 7-4. Ostapenko deslanchou no período decisivo e venceu por tranquilos 6/1.

Do inferno ao céu

Parecia que a vida de Ostapenko seria tranquila. Após oito pontos e dois break points, a letã quebrou o saque da adversária logo no primeiro game da partida. Após sufoco no momento seguinte (foram 14 pontos, cinco duplas faltas e um break point salvo), a ex-número 4 do mundo voltou a vencer no quinto game, rejeitando a rival e abrindo 4/1 na dianteira da parcial.

No momento seguinte, entretanto, foi a vez da chinesa quebrar o serviço da letã. No décimo game, após mais oito pontos, coube a Ostapenko fechar o primeiro set em 6/4.

Mais uma vez o saque de Wang foi quebrado no primeiro game de um set - no caso, o segundo. Nos terceiro e quinto momentos, novos sufocos da asiática: dez e oito pontos, respectivamente - mas saques confirmados.

No sexto momento, ela quebrou o saque de Ostapenko. Dois games com serviços rejeitados (um para cada lado) a partir do oitavo momento sepultaram as chances de impedir o tiebreak. Após abrir 5-2 depois de duas mini-quebras de saque consecutivas, a chinesa administrou a vantagem para vencer por 7-4 - depois de quatro saques rejeitados, duas de cada tenista.

A favorita foi deslanchar apenas no terceiro set. Quebrando o saque da chinesa no segundo game (com 12 pontos, o maior de toda a partida, e seis break points ao todo), Ostapenko teve mais um pequeno susto no terceiro momento, quando teve o saque rejeitado. No quarto, mais uma vez, porém, ela quebrou o serviço de Xiyu após oito pontos - cena que se repetiu no sexto, que teve dez pontos. Bastou à letã, então, sacar para confirmar a vitória com 6/1 no terceiro set. 

O que vem por aí

Na segunda fase do Miami Open, Ostapenko enfrenta a lucky loser #94 Kirsten Flipkens. A belga substitui na chave a #27 Alison Riske, que desistiu por causa de uma lesão no pé.

VAVEL Logo