De virada, Sada Cruzeiro bate UPCN na estreia do Sul-americano de Vôlei
Foto: Reprodução/ Facebook Sada Cruzeiro

O Cruzeiro deu início à sua caminhada em busca do hexacampeonato Sul-americano masculino de vôlei. O time mineiro enfrentou o UPCN na noite desta terça-feira (26), na Arena MTC, e conseguiu uma suada vitória por 3 sets a 2 (23/25, 18/25, 25/22, 25/20 e 15/11). 

Após bom começo da equipe argentina, o Cruzeiro contou com noite inspirada dos reservas Sandro, Luan e Rodriguinho, que saíram do banco e mudaram o jogo, garantindo a vitória celeste. 

O time cinco estrelas volta a jogar nesta quarta-feira (27), contra o Regatas Lima (PER), às 20h. Os mineiros precisam de uma vitória simples para garantir a classificação. 

Como foi o jogo

A Raposa começou sacando forte e a tática deu certo: 8 a 5. Entretanto, o time azul começou a abusar dos erros e cedeu o empate quando Sander atacou na antena: 14 a 14. As equipes seguiram trocando pontos até que na boa passagem de Léo pelo saque, o Cruzeiro conseguiu desgarrar do placar: 21 a 18. De novo os argentinos buscaram a reação e viraram o marcador no bloqueio de Stulenkov. No ace de Lazo, o UPCN fechou a etapa: 25 a 23

No início da segunda parcial, foram os argentinos que começaram melhor no saque: 5 a 2, em mais um ace de Lazo. O Cruzeiro correu atrás e, com apoio do seu torcedor, deixou tudo igual no set: 10 a 10. O jogo seguiu equilibrado até o UPCN abrir vantagem numa invasão por cima de Cachopa, que gerou muitas reclamações do lado celeste: 18 a 15. No erro de Isaac, o time estrelado viu os adversários fazerem 25 a 18 e abrir 2 a 0 na partida. 

Precisando vencer, o Cruzeiro começou com tudo e abriu 8 a 4 no ataque de Taylor Sander. A Raposa voltou a errar e os argentinos empataram no ataque pra fora de Rodriguinho: 14 a 14.  Os times chegaram ao final do set empatados (20/20), mas a equipe celeste foi mais eficiente nos contra-ataques e fechou a parcial: 25 a 22

O Cruzeiro começou avassalador no quarto set e conseguiu quatro pontos de vantagem: 8 a 4. Os mineiros seguiam mais consistentes e ampliaram: 16 a 10. Os visitantes equilibraram a partida e a vantagem azul caiu para um, no erro de Luan: 17 a 16.  Mas a Raposa soube controlar os nervos e fechou a parcial em 25 a 20

O tie-break começou com as equipes trocando pontos: 5 a 5. A parcial seguiu equilibrada e o empate prevalecia no marcador: 9 a 9. No ataque errado de Hage, o Cruzeiro conseguiu uma pequena vantagem: 11 a 9. Luan encaixou boa sequência de saque e deixou a Raposa perto da vitória: 14 a 11. O central Éder pontuou para decretar o triunfo estrelado: 15 a 11.

VAVEL Logo