Real Madrid sofre, mas bate Sporting e segue na briga pela liderança do Grupo F

Merengues sofrem, não jogam bem, mas garantem importante vitória no fim

Real Madrid sofre, mas bate Sporting e segue na briga pela liderança do Grupo F
Benzema marcou o gol do triunfo merengue no final do jogo (Foto: Francisco Leong/AFP)
Sporting Lisboa
1 2
Real Madrid
Sporting Lisboa: Rui Patrício; João Pereira, Coates, Ruben Semedo e Zeegelaar; William Carvalho; Gelson Martins, Adrien Silva, Bruno Cesar (Campbell, Min. 62) e Bryan Ruiz (Schelotto, Min. 67); Bas Dost (André, Min. 77). técnico: jorge Jesus
Real Madrid: Navas; Carvajal, Varane, Ramos e Marcelo (Coentrão, Min. 71); Kovacic, Modric e Isco (Benzema, Min. 67); Lucas Vázquez, Bale (Asensio, Min. 58) e Cristiano. técnico: Zinedine Zidane
Placar: 0-1, Varane, Min. 29; 1-1, Adrien Silva, Min. 80; 1-2, Benzema, Min. 87
ÁRBITRO: William Collum (ESC); cartões amarelos: Marcelo (Min. 40), Bryan Ruiz (Min. 57), Kovacic (Min. 64), Campbell (Min. 90), André (Min. 90+2); cartões vermelhos: João Pereira (Min. 64)
INCIDENCIAS: partida válida pela quinta rodada da fase de grupos da uefa champions league 2016/17, realizada no estádio Alvalade, em Lisboa, Portugal

Foi suado, mas a vitória foi para Madri. Nesta terça-feira (22), o Real Madrid suou bastante, mas venceu o Sporting Lisboa pela quinta rodada da fase de grupos da Uefa Champions League 2016/17. Os merengues saíram na frente com Varane, mas Adrien Silva empatou de pênalti. Porém, no final do jogo, Benzema deixou dele e garantiu a importantíssima vitória merengue.

Com este resultado, o Real Madrid segue vivo na briga pela liderança do grupo, chegando a 11 pontos, dois a menos que o Borussia Dortmund, seu adversário na última rodada da fase de grupos no dia 7 de dezembro. O Sporting brigará pela Uefa Europa League com o Legia Varsóvia, tendo em vista que as duas equipes chegam a última rodada com um ponto cada.

Sporting é levemente melhor, mas Varane deixa merengues na frente

O jogo era de muita correria no Alvalade, com as duas equipes buscando o gol desde o início. Enquanto o Sporting explorava a velocidade da dupla Bryan Ruiz e Gelson Martins, o Real Madrid trocava passes, tentando envolver os portugueses, mas quem chegava com mais objetividade eram os donos da casa, só que não conseguiram marcar.

Depois de o jogo perder velocidade e ficar mais lento, principalmente pelo lado dos donos da casa, saiu o gol que abriu o marcador no Alvalade. Aos 29', Cristiano Ronaldo foi derrubado na direita por Ruben Semedo e o árbitro marcou falta. Luka Modric cobrou, Cristiano desviou meio que sem querer e a bola sobrou para Varane, que fuzilou a meta de Rui Patrício: 1 a 0 Real Madrid.

Depois do gol, o Sporting começou a se soltar e chegar com bem mais perigo. Aos 31', Gelson Martins recebeu na direita, tocou para o meio da área, Adrien Silva deu lindo corta-luz e Bruno César finalizou de primeira, mas Sergio Ramos foi corajoso e colocou a cabeça na bola, salvando o Real Madrid. Minutos depois, mais uma vez o meia brasileiro apareceu, quando ele comprou bem a falta e a bola raspando a trave de Keylor Navas. Depois disso, nada mais aconteceu e os merengues saíram vencedores da primeira etapa.

Sporting empata, mas Benzema garante triunfo merengue

Atrás no marcador, o Sporting voltou bem melhor no início da segunda etapa, chegando com perigo logo no início, mas não conseguindo finalizar com tanta objetividade, parando no lance final que poderia proporcionar o gol, por muito mérito da própria equipe merengue.

O Real Madrid, na frente do placar, se fechava mais, tentando sair nos contra-ataques. E quando o Sporting seguia pressionando, João Pereira, após agredir Kovacic em lance que já havia acabado, foi expulso e deixou os portugueses com um a menos, complicando um pouco a situação do Sporting no jogo.

Porém, minutos depois, mesmo com um a menos, o Sporting chegou ao empate, quando, em jogada pela direita, Campbell dominou, tentou o passe em profundidade, mas a bola pegou no braço de Fabio Coentrão, que estava reclamando que a bola tinha pegado no braço de Campbell e o árbitro assinalou pênalti. Adrien Silva deslocou muito bem Keylor Navas e deixou tudo igual no estádio Alvalade: 1 a 1.

E quando tudo se encaminhava para o empate que não era bom para nenhum dos times, saiu o gol da vitória merengue, quando Sergio Ramos avançou pelo meio, levantou a cabeça e cruzou para a marca do pênalti, onde estava Benzema, que cabeceou muito bem, com perfeição e a bola foi no canto de Rui Patrício, que não alcançou: 2 a 1 Real Madrid.