Corinthians e Grêmio estreiam em duelo entre campeão e terceiro colocado do último Brasileirão

Timão busca repetir campanha vencedora da temporada anterior dos pontos corridos; Grêmio precisa encontrar receita para uma defesa mais sólida

Corinthians e Grêmio estreiam em duelo entre campeão e terceiro colocado do último Brasileirão
Clubes fizeram as melhores campanhas de 2015 (Foto: Divulgação / Agência Corinthians)
Corinthians
Grêmio
Corinthians: Walter, Fagner, Felipe, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique; Marquinhos Gabriel, Elias, Rodriguinho e Romero; André.
Grêmio: Marcelo Grohe; Ramiro, Geromel, Fred e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Giuliano, Luan e Everton; Miller Bolaños. Técnico: Roger Machado
ÁRBITRO: Wilson Pereira Sampaio (Fifa/GO), Alessandro A. Rocha Matos (Fifa/BA) e Guilherme Dias Camilo (Fifa/MG)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016, disputada na Arena Corinthians, em São Paulo

Neste domingo (15), as 16h, Corinthians e Grêmio iniciam suas participações no Campeonato Brasileiro 2016. O atual campeão e o atual terceiro disputam um duelo interessante na Arena Corinthians. As equipes não obtiveram sucesso no primeiro semestre de estadual e Libertadores, mas são cotadas a atingí-lo durante o Brasileirão.

Ambos os clubes mantiveram os treinadores da temporada anterior. Tite segue sua carreira no Corinthians, onde já obteve os mais diversos títulos: do mesmo Brasileirão à Libertadores e Mundial. No Grêmio, Roger Machado ainda não voltou a erguer taça como técnico, entretanto, como jogador, conquistou o Brasileiro, a Libertadores e, quando era lateral-esquerdo de Tite, conquistou a Copa do Brasil de 2001.

Frente a frente estarão duas boas equipes e dois elencos com possibilidade de sonhar no começo de mais um campeonato por pontos corridos.

Tite opta por Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto fica no banco

O Timão vai contar com seu 12º jogador. Mudada a chave para o Campeonato Brasileiro na temporada, a Arena Corinthians vai receber um público superior aos 30 mil neste domingo.

O lateral-direito Fagner concedeu entrevista e relatou suas expectativas para o Brasileirão. Para ele, trata-se de um campeonato disputadíssimo: "A cada dia buscamos trabalhar mais, melhorar, entrosar, para que a equipe se sinta fortalecida o quanto antes. No mundo, o Campeonato Brasileiro é um dos poucos com dez equipes em condições de chegar. Difícil apontar um favorito. Perdemos alguns atletas no ano passado e diziam que iríamos brigar para não cair. Chegamos ao título", relembrou o defensor.

Ainda no setor defensivo, o goleiro Cássio não deve atuar na partida. O atleta perdeu a vó e viajou para Veranópolis, sua cidade natal no Rio Grande do Sul. Uma curiosidade é que o arqueiro iniciou carreira exatamente nas categorias de base do Grêmio, em seu estado de origem. Walter será seu substituto.

No meio de campo, Marquinhos Gabriel é a opção do técnico Tite pela direita. Giovanni Augusto iniciará no banco de reservas na Arena Corinthians. O volante Elias chegou a ser retirado durante a semana para entrada de Guilherme, mas está à disposição e deve começar em campo, com Bruno Henrique à frente da zaga e Rodriguinho ao seu lado.

O ataque do Timão deve concentrar, portanto, Marquinhos Gabriel e Romero abertos e a presença do atacante mais próximo do gol com André.

Grêmio de olho na defesa e mudanças no ataque

O time de Roger Machado enfrenta problemas com a fragilidade defensiva. Apesar de eliminado do Gauchão e da Libertadores por problemas com bola aérea, o quarteto de linha com os dois zagueiros e os dois laterais deve ser mantido. Para o setor, o clube conta com a vinda de Edílson, que estava exatamente no adversário Timão.

Pedro Geromel faz companhia ao contestado Fred. Nas laterais, o volante Ramiro tem sido escalado para cobrir a direita, enquanto Marcelo Oliveira convive com críticas e fica à esquerda.

No meio, Douglas perde espaço e a possibilidade inicial é com Éverton, em absoluto ganho de velocidade pelo Tricolor. Com isso, após os volantes Walace e Maicon, o meio tem Giuliano, que era dúvida, mas se recupera de lesão, Luan e Éverton, com a presença de Miller Bolaños como referência no ataque.

Na atual temporada, Luan disputa a condição de atleta com mais assistências para gol no Brasil. Já o equatoriano vindo do Emelec busca se entrosar de vez com a equipe, após longo tempo lesionado e ter atuado nos últimos jogos. Para selar a parte dianteira da composição do técnico Roger Machado, Éverton ganha oportunidade desde o início e espera repetir boas atuações do começo do ano.

Entre as suplências, o técnico do Tricolor não contará com o atacante Pedro Rocha, que ainda cumpre jogo de suspensão por conta de uma agressão a atleta do Sport Recife no Brasileirão passado.