Técnico alemão morre no Rio após sofrer acidente de carro

Stefan Henze estava em um táxi com mais um membro da delegação alemã e não resistiu aos ferimentos; batida foi na última sexta-feira

Técnico alemão morre no Rio após sofrer acidente de carro
(Foto: Richard Heathcote/Getty Images)

Nesta segunda-feira (15), Stefan Henze, técnico da delegação alemã de canoagem slalom, morreu após sofrer acidente de carro na última sexta (12). Christian Käding, cientista esportivo, também estava no táxi que os levava para a Vila dos Atletas, mas não sofreu ferimentos graves.

O acidente aconteceu na Avenida das Américas, Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, por volta das 4h50 de sexta-feira. Stefan Henze e Christian Käding, ambos do time alemão de canoagem, seguiam de táxi para a Vila dos Atletas quando o carro bateu. O motorista fugiu do local e abandonou os dois na via sem qualquer atendimento.

Segundo o Corpo de Bombeiros, ambos foram socorridos e levados direto para o Hospital Municipal Loureço Jorge, na Barra da Tijuca. Enquanto Katani logo recebeu alta, Henze sofreu traumatismo craniano, foi rapidamente encaminhado ao Hospital Miguel Couto e passou por uma cirurgia neurológica. Desde então, seu estado era delicado.

O Diretor de Comunicação da Rio 2016, Mário Andrada, informou que o Comitê Olímpico estava dando todo apoio necessário à delegação poucas horas depois do acidente ter ocorrido.

 

Stefan Henze tinha 35 anos e era dono de uma medalha de prata pela Alemanha na canoagem nos Jogos Olímpicos de Atenas 2004 na categoria C2. Também foi campeão mundial em 2003. A própria equipe de canoagem da Alemanhã fez o anúncio de seu falecimento usando sua conta oficial no Twitter.