Extreme Speed Motorsports troca de pilotos para rodadas restantes do WEC

Novo patrocinador também escolheu pilotos para o Ligier #31. Equipe também anunciou que volta para os Estados Unidos para competir na IMSA em 2017

Extreme Speed Motorsports troca de pilotos para rodadas restantes do WEC
(Foto: AdernalMedia.com)

A equipe Extreme Speed Motorsports anunciou alterações de pilotos no Ligier #30 para o restante do Mundial de Endurance. De acordo com a nota, a equipe terá o patrocínio da Jagonya Ayam, empresa situada na Indonésia.

Faltando três etapas para o final (Fuji, Xangai e Bahrein), recursos adicionais sempre são bem vindos. “Jagonya Ayam manifestou interesse em ter um programa LMP2. Tendo até os pilotos para competir,” disse o dono da ESM Scott Sharp.

Assim, Giedo Van der Garde, Sean Gelael, e Antonio Giovinazzi vai assumir o #30 nas três etapas faltantes. Van der Garde já correu no WEC este ano com G-Drive racing em Spa e Le Mans. Também está participando do ELMS com o Gibson da G-Drive.

Gelael e Giovinazzi foram companheiros de equipe na Fórmula 3 entre 2013 e 2014, onde Giovinazzi conseguiu sua primeira vitória. Gelael foi para a GP2 em 2015 e, juntamente com Giovinazzi na Asian Le Mans Series. A dupla comemorou duas vitórias nesta temporada com a  Eurasia Motorsport.

Na Europa, competiram em Silverstone na ELMS com a equipe SMP Racing e seu BR01 #44. “Estamos muito orgulhosos de fazer parte deste programa com uma equipe profissional, como Tequila Patrón ESM”, disse Francesco Prince gestor esportivo da Jagonya Ayam. “Os carros parecem competitivos e estamos confiantes de que o nosso line-up fará o seu melhor durante cada prova.”

O #31 que tem Ryan Dalziel, Pipo Derani e Chris Cumming não sofre alterações até o final do ano.

Equipe volta a competir nos EUA

Em nota publicada, em seu site, a equipe confirmou os boatos e volta de forma integral a IMSA em 2017. Sendo assim 2016 é o último ano da equipe no Mundial de Endurance.

Porém a parceria com a Onroak Automotive continua, já que para o próximo ano a equipe vai alinhar o Ligier P217 com motores Nissan. A equipe terá apoio oficial da Nissan, sendo esta o primeiro fabricante a confirmar seu programa na IMSA.

“A Tequila Patrón ESM teve uma experiência incrível ao longo dos últimos 24 meses, em pistas incríveis ao redor do mundo. Mas estamos muito animados em voltar ao Weathertech”, disse o proprietário da equipe Scott Sharp.

Os pilotos não foram oficialmente confirmados, o que deve ser feito nas próximas semanas. “O programa de DPI vai ser realmente emocionante, e vai ser fantástico competir não só na nossa própria casa, mas pela vitória no geral para a vitória global”, disse presidente da Patrón Spirits e piloto Ed Brown.

“Vai ser maravilhoso estar associado a uma marca de classe mundial como a Nissan. Eu acho que a sinergias entre as duas empresas e cada um dos nossos consumidores nos dará grandes oportunidades para melhorar nossas marcas.”

O acordo com a Nissan é apenas técnico, sendo assim a carenagem deve ser a mesma que será utilizada nos Ligier que vão disputar o Mundial de Endurance. “Estamos muito satisfeitos em participar com a Tequila Patrón e Oak Racing em 2017 na IMSA”, disse o diretor de motorsports da Nissan, Michael Carcamo. “Acreditamos que a Nissan e a Nismo podem adicionar a este programa, um powertrain competitivo.”

Onroak se torna o terceiro construtor alinhado com um fabricante na IMSA próximo ano, juntando-se à Dallara (Cadillac) e Multimatic-Riley (Mazda). “Nós escrevemos uma história incrível este ano com a dupla vitória em Daytona e Sebring, mas 2017 será como um novo começo”, disse o chefe da Onroak Automotive, Philippe Dumas.