Felipe Massa disputa o Race of Champions em Miami

Evento acontece em Janeiro

Felipe Massa disputa o Race of Champions em Miami
(WilliamsF1/MF2)

A nova vida de Felipe Massa após o fim de sua carreira na Fórmula 1, marcada para o fechamento do calendário no mês que vem em Abu Dhabi, já tem data para começar. Nos dias 21 e 22 de janeiro, o brasileiro já em processo de despedida da Williams participará da Race of Champions, tradicional prova reunindo astros de diversas categorias internacionais e que pela primeira vez em mais de 25 anos será realizada em solo americano, no Marlin Parks em Miami. Massa integrará o Team Brasil ao lado de Tony Kanaan, refazendo a dupla formada em 2004 em sua estreia no evento no Stade de France, em Paris.

Será a quarta vez que Massa tomará parte da competição - a mais recente foi em 2015 no Estádio Olímpico de Londres. Antes, ele havia repetido a dose na capital francesa em 2005. "Será um enorme prazer voltar aqui por mais um ano", disse o piloto em Miami, onde descansa entre os grandes prêmios dos Estados Unidos e do México, este agendado para domingo no Autódromo Irmãos Rodríguez. "Trata-se de um grande desafio e a ideia de juntar os melhores pilotos do mundo de diversas séries é realmente ótima", continuou.

Massa guarda boas recordações da parceria com Kanaan, da Fórmula Indy. "Estou ansioso para reencontrar um velho amigo. Fizemos uma boa dupla lá atrás. Ele bateu o Sébastien Loeb e eu derrotei o Michael Schumacher. Infelizmente, fomos punidos pelo excesso de toques no guard-rail", lembrou. As características da ROC o agradam em cheio. "É muito legal correr no meio das arquibancadas, porque dá para ouvir o barulho dos fãs e eles conseguem ver todas as curvas. É uma tremenda diversão. Melhor ainda que seja em Miami, uma das minhas cidades preferidas."

Fredrik Johansson, presidente do ROC, comemorou a adesão de mais um grande nome à constelação que se juntará a outros ainda por serem anunciados. "Estamos contentes em ter novamente Felipe Massa em nosso evento. Ele correu em alto nível nos últimos 15 anos e neste período conquistou grande número de admiradores por todo o mundo. Esperamos recebê-los aqui no Marlins Park em janeiro."