Carla Suarez Navarro quer mostrar que a Espanha também pode vencer no feminino em Roland Garros

Espanhola quer seu primeiro Grand Slam e seu piso preferido pode ser um trunfo pra isso

Carla Suarez Navarro quer mostrar que a Espanha também pode vencer no feminino em Roland Garros
Getty Images

No dia 23 de maio de 2016 terá inicio mais uma edição do torneio de Roland Garros, competição disputada em Paris na França e ocorre desde 1925. O campeonato é o segundo Grand Slam da temporada e único de saibro, como sabemos Rafael Nadal vem sendo dominante no masculino, vencendo nove dos últimos onze anos. Mas a Espanha quer mostrar que não só entre os homens tem bons números no piso e Carla Suarez Navarro é a grande esperança do país na chave feminina.

História em Roland Garros

A trajetória da espanhola em Paris começou em 2008, quando disputando o qualificatório e passando por todos até chegar a fase principal. Nela, surpreendeu ainda com dezenove anos e chegou até as quartas de final, quando foi superada pela servia então número 3 do mundo Jelena Jankovic. No ano seguinte com mais experiência foi derrotada mais cedo, pois teve o azar de efrentar Viktoria Azarenka já na terceira rodada e perdeu em três sets depois de fazer um jogo duro. No ano de 2010 atingiu seu pior resultado na competição e foi vencida por Olga Gorvortsova já na primeira rodada, em 2011 não disputou por lesão, voltando em 2012. Ano em que voltou a ser parada na terceira rodada, dessa vez por Yaroslava Shvedova.

Em 2013 melhorou seu desempenho, sendo eliminada nas oitavas de final pela italiana Sara Errani. Mas só no ano seguinte voltou a repetir seu melhor desempenho no torneio, chegando as quartas de final. Lá não foi párea para a jovem canadense Eugenie Bouchard que em um ótimo jogo venceu em três sets. Já no último ano, voltou a ser derrotada na terceira rodada e novamente seu algoz foi uma italiana, só que dessa vez se tratou de Flavia Pennetta que em sets diretos a eliminou.

Trajetória em 2015

Na primeira rodada enfrentou a romena, Monica Niculescu, vencendo em dois sets com um duplo 6/2. Na rodada seguinte teve pela frente a anfitriã Virginie Razzano, quando venceu o primeiro set por 6/3 e quando já vencia o segundo por 1/0, viu a adversária desistir da partida por lesão. No terceiro jogo veio o revés para a italiana Flavia Pennetta e depois de uma derrota em sets diretos com parciais de 6/3 e 6/4, voltou pra casa sem o sonho.

Expectativas para 2016

Como toda cabeça de chave, Navarro é considerada uma das favoritas ao troféu. Ela vem tendo um bom ano e está em quinto no momento para a disputa do WTA Finals de 2016. Mas os resultados no torneio não são animadores, apesar de se tratar do saibro, piso que seu país tem como o mais tradicional. Tem também o peso de ver seu compatriota Rafael Nadal vencer o torneio por várias vezes, mas espera superar nesse ano. É inegavelmente uma das candidatas ao troféu, mas precisa passar por algumas jogadoras que estão[CA1]  à sua frente para conseguir o objetivo.

Ficha Técnica

Nome: Carla Suarez Navarro

Ranking: 14°

Melhor Ranking: 6°

Títulos de WTA: 2

Títulos em Roland Garros: 0

Melhor Resultado: Quartas em 2008 e 2014