Empresários de São Paulo lançam startup para impulsionar o tênis no país

Como uma "rede social para tenistas", plataforma conta com funções que facilitam a conexão entre os praticantes do esporte para participar de torneios e realizar amistosos

Empresários de São Paulo lançam startup para impulsionar o tênis no país
Empresários de São Paulo lançam startup para impulsionar o tênis no país/ Foto: Lptennis/ Divulgação

Paulo Schiavon, formado em Ciências da Computação. Paulo Facchini, publicitário e especialista em Marketing e Rafael Soares, também formado em Ciências da Computação. Esses são os fundadores de uma startup chamada “Lptennis”, que tem um único fator que os une: o amor pelo esporte.

"Somos o braço direito do tenista"

A “Lptennis” tem como objetivo principal impulsionar o tênis no Brasil, além de ampliar os laços entre os praticantes e impulsionadores do esporte por meio de uma plataforma, na qual os usuários são capazes de encontrar e se inscrever em competições, marcar amistosos com adversários, checar seu desempenho através de estatísticas, além de – para os organizadores e as academias - criar rankings, organizar torneios e sortear automaticamente suas chaves.

Como uma "rede social para tenistas", a plataforma conta com mais de cinco mil usuários e 75 mil interações registradas. Cada um conta com um perfil feito nos moldes da ATP, com características físicas e desempenho nas últimas partidas, além do "Head to Head" com outros usuários, que podem ser desafiados instantaneamente. Também é possível acompanhar os jogos que estão rolando entre amigos, podendo da “winner” (curtir), “comentar”, “compartilhar” e “torcer” através do feed de notícias. 

Foto: Lptennis/ Divulgação
Foto: Lptennis/ Divulgação

"No Brasil, o futebol é, sem dúvidas, o esporte mais popular, o que acaba por, muitas vezes, ocultar outras modalidades, como o tênis" relata o CEO, Paulo Schiavon, e completa: "Na Lptennis, desejamos facilitar para o tenista, encontrando adversários e torneios mais rapidamente, além de juntar todo o conteúdo e os interessados no esporte em uma só página: a rede social. Assim como já ocorre em diversos fóruns de discussão na Internet. Entendemos que isolados ninguém poderá mudar o panorama do esporte por aqui. Porém, juntos fazemos o Tênis mais forte!"

Foto: Lptennis/ Divulgação
Foto: Lptennis/ Divulgação

Já para os impulsionadores, como projetos sociais e academias, a plataforma auxilia principalmente na gestão de dados, como na organização de reservas de quadra e aulas por professor. "Somos o braço direito do tenista" afirma Schiavon. "Os que mais entendem e que podem, de fato, fazer bem ao tênis são obrigados a passar muito tempo dentro do escritório lidando com problemas organizacionais. A Lptennis surge como uma alternativa para otimizar esse tempo".

Foto: Lptennis/ Divulgação
Foto: Lptennis/ Divulgação

A startup, que terá aplicativo lançado para Android e IOS nas próximas semanas, também conta com outras funções, como de organizar ligas regionais, assim como torneios e rankings, gerando as chaves e tabelas automaticamente. "Estamos focados disponibilizar o aplicativo para IOS e Android, em trazer e quantificar mais estatísticas para os jogadores e professores terem um melhor entendimento do que esta acontecendo dentro de quadra, em disponibilizar uma estrutura para acompanhamento da evolução dos alunos e também, dentro da plataforma, será agrupado as notícias de tênis publicadas pelos principais canais de comunicação” conta o CEO. Até agosto deste ano, haviam sido organizados 380 torneios e mais de 15 mil jogos por meio de seu sistema.

Paulo Schiavon, Paulo Henrique Facchini e Rafael Fachin Soares/ Foto: Lptennis/ Divulgação
Paulo Schiavon, Paulo Henrique Facchini e Rafael Fachin Soares/ Foto: Lptennis/ Divulgação

Interessado? Clique aqui para acessar o site da "Lptennis"

Mais notícias de