Fran Escribá deixa comando do Getafe após péssimos resultados

Fran Escribá deixa comando do Getafe após péssimos resultados

O treinador não conquistava uma vitória pelos Azulones desde o dia 17 de Janeiro

cairesluciano
Luciano Caires Júnior

Na manhã desta segunda-feira (11) o Getafe anunciou em seu site oficial a saída do técnico Fran Escribá do comando da equipe. O jovem treinador já acumulava doze partidas consecutivas sem vitórias. No último domingo (10), o a derrota foi para o Villarreal no El Madrigal. Em uma partida em que os Azulones tiveram maior posse de bola, entretanto, desperdiçaram diversas chances durante o confronto.

"Vou embora com a tristeza de não ter cumprido o objetivo proposto no início da temporada. Mesmo assim, há algo que posso afirmar com toda certeza: coloquei minha experiência, capacidade e todo esforço possível para tentar reverter a atual situação do clube. E será sempre dessa forma que irei trabalhar", afirmou Escribá em seu perfil no Facebook.

"Mesmo de longe espero que o Getafe consiga se livrar da zona de rebaixamento, e possa permanecer por mais um ano na elite do nosso futebol. Deixo meu cargo na equipe mas sigo sendo mais um torcedor apaixonado, que irá sempre apoiar e torcer por esta equipe", ressaltou.

Após passar pela comissão técnica do Benfica em seu início de carreira, Escribá começou sua vida como treinador na equipe do Elche. Comandando o time franjiverde foram 125 partidas em três anos: com 44 vitórias, 46 derrotas e 36 empates, com um aproveitamento um pouco de aproximadamente 32%.

Em junho de 2015, o técnico chegou ao Getafe. Porém, acabou tendo um aproveitamento ainda mais inferior. Foram 34 duelos: somente oito vitórias, sete empates e 19 derrotas. Neste ano, Escribá venceu somente os seus três primeiros confrontos, desde então, soma dez derrotas e dois empates.

Há seis rodadas do fim da Liga BBVA, o Getafe agora sem comandante permanece na 18ª colocação, há dois pontos apenas do Granada, primeira equipe fora do Z-3. No próximo domingo (17) o adversário será ainda mais complicado, os Azulones recebem sob seus domínios o poderoso Real Madrid, que voltou a acreditar no título espanhol.

VAVEL Logo

    Liga Espanhola Notícias