Strakosha assume responsabilidade por eliminação da Lazio na Europa League

Goleiro albanês afirma que falha no segundo gol do Salzburg "mudou tudo" e que o time não merecia ser eliminado desta forma

Eram 26 minutos passados do segundo tempo. O Red Bull Salzburg trocava passes na intermediária quando o volante Amadou Haidara recebeu a bola e bateu firme de fora da área. O goleiro Thomas Strakosha chegou atrasado e a equipe austríaca virava o jogo contra a Lazio. A falha do albanês iniciaria a remontada histórica do Red Bull Salzburg, que faria mais dois gols em cinco minutos e garantiria a espetacular classificação para as semifinais da Uefa Europa League, com a vitória por 4 a 1.

O roteiro mágico preparado para os Bullen, se mostrou trágico para os biancocelesti, principalmente para Strakosha. O goleiro albanês assumiu a culpa pela eliminação e afirmou que se não fosse a falha, tudo seria diferente: "Eu sou o culpado pelo segundo gol. A partir daí, o time sofreu um apagão e tomamos a virada. O pessoal fez tudo certo, mas meu erro mudou tudo. É muito frustante, porque não merecíamos ser eliminados desse jeito", disse Strakosha.

Strakosha disse também que, após o empate do Salzburg, a Lazio não demonstrou estrutura emocional para segurar o resultado. "Nós sofremos o empate logo depois de termos aberto o placar. Mesmo com a vantagem, nós nos assustamos com a pressão da equipe deles. Simplesmente paramos e fomos engolidos", afirmou o goleiro.

Após a dolorosa derrota para o Red Bull Salzburg, a Lazio tenta se recuperar. Neste domingo (15), a equipe italiana enfrenta a maior rival Roma, pela Serie A. Mesmo com a fantástica fase giallorossa, classificada para as semifinais da Uefa Champions League, Strakosha afirma que não há motivos para duvidar que os biancocelesti são capazes de vencer a Roma.

"A Roma está muito motivada por ter chegado às semifinais da Liga. Mas estamos mais determinados do que eles, porque fomos eliminados injustamente hoje (12). Se vencermos o clássico, teremos força para nos recuperar desta derrota e seguirmos em frente na temporada", concluiu Strakosha.