Com dupla cidadania, Ricardinho adquire passaporte italiano
Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

Com dupla cidadania, Ricardinho adquire passaporte italiano

Com nova nacionalidade, o jogador acredita que suas características ajudarão na adaptação

phandrade
Pedro Andrade

O meia Ricardinho  que teve como sua última passagem no Brasil pelo Juventus da Mooca, agora é um cidadão Italiano. O atleta revelado nas categorias de base do Corinthians e com carreira vitoriosa internacional​, agora tem mais um motivo para se alegrar. Desde o último dia 3 de dezembro, passou a ser ítalo-brasileiro.

O jogador de 29 comentou que agora consegue jogar nos times do velho continente. Além disso, revelou que já possui algumas sondagens.

"Essa etapa está sendo muito importante, porque agora como cidadão italiano as portas se abrem em diversos clubes da Europa. Recebi algumas propostas da Grécia, Malta e Itália. Com certeza, pois com o passaporte europeu eu me torno um jogador comunitário", frisou.

Ricardinho possui passagens pelo futebol da Sérvia, Indonésia, Nicarágua e Iraque. Em seus planos, espera dar continuidade em sua carreira internacional e aposta em adaptação rápida.

"Meu projeto para 2019 é fazer uma excelente temporada na Europa e ser campeão aqui, assim como fui em outros países. Sem dúvida o estilo de jogo europeu é um dos melhores do mundo e creio que com minhas características de técnica, velocidade e passes precisos, me adaptarei muito bem aqui", ressaltou.

Agora, o meio-campista consegue ter mais opções de clubes, uma vez que não ocuparia uma das vagas de jogador extracomunitário. O jogador explicou que o procedimento da dupla cidadania foi bem rápido e que todas as suas origens foram analisadas.

"Tive a assessoria no Brasil da Sonia Nogueirão Cazalini, pesquisadora genealogista e especialista em cidadania Italiana. Minha história familiar foi estudada desde as origens, no Comune de Anguillara Veneta, província de Padova, até o meu nascimento em São Paulo. Foi tudo muito rápido e em poucos meses já estava com a documentação original, traduzida e apostilada, pronta para terminar o processo na Itália", finalizou.

VAVEL Logo