Pep Guardiola elogia 'paixão' do Manchester City após goleada em Watford
Foto: Divulgação/Premier LEague

O Manchester City aplicou mais uma goleada na Premier League, dessa vez foi em cima do Watford, que está nas últimas colocações e briga para não ser rebaixado para a Championship. Os Citizens fizeram 4 a 0 fora de casa, pela penúltima rodada da competição, com direito a dois gols de Sterling e uma atuação avassaladora, terminando o jogo com 77% de posse de bola.

A partida serviu de redenção para o elenco de Manchester, que havia perdido o ultimo jogo disputado para o Arsenal, valido pela semifinal da FA Cup e precisava dessa vitoria para não chegar abalado na Champions League, que recomeça na primeira semana de agosto, com o confronto de volta das oitavas de final conra o Real Madrid, no Etihad Stadium.

Pep Guardiola declarou estar contente com o rendimento ofensivo do que o time teve no campeonato, entretanto lamenta que a temporada tenha sido marcada por erros defensivos e pela falta de zagueiros no plantel, sendo obrigado a improvisar Fernandinho na zaga por boa parte dos jogos. Além disso, também fez elogios ao camisa 7, Sterling, que vem sendo cada vez mais artilheiro sob o comando do espanhol, desde a sua chegada em 2016.

"Para os nossos atacantes e pontas, gols são importantes. Ele (Sterling) fez isso e realizou uma boa temporada. Estamos longe dos campeões (Liverpool) por conta disso, a nossa performance no campeonato não foi boa", disse Guardiola, reconhecendo que faltou aquele algo a mais para que pudessem bater de frente com o Liverpool na Premier League.

O treinador também cobrou mais agressividade do time em determinados jogos, pois para Pep, esse foi um dos fatores que distanciou o time da disputa do titulo.

"As competições são diferentes, eles (Watford) estão jogando com um grande problema e nós fomos agressivos em mais aspectos hoje. Eu disse antes, sejamos nós mesmos. Podemos jogar melhor ou pior mas com o minimo de desejo e paixão, e nós mostramos isso hoje".

Raheem Sterling celebrou bastante o poder ofensivo do time nessa temporada e não deixou a falta de títulos abalar a sua avaliação sobre o próprio desempenho no Campeonato Inglês.

"Queria ter marcado um hat-trick hoje, mas isso não aconteceu. Estou muito feliz com os dois gols. É um feito enorme, um ponta marcar 20 gols na Premier League - uma grande conquista. Temos um jogo pela frente e espero que eu possa fazer isso".

Ao ser questionado do porque ele bateu o pênalti concedido pelo arbitro e não De Bruyne, que é o batedor oficial, o camisa 7 respondeu:

"Eu marquei o primeiro e sabia que tinha 18 gols, sabia que se conseguisse fazer segundo e ficasse em campo durante os 90 minutos, eu teria mais uma chance de fazer um hat-trick."

O Manchester City encerra a Premier League em casa contra o ja rebaixado Norwich City, no domingo (26), às 12h, tendo pouco mais de uma semana para se preparar para o duelo diante o Real Madrid, também no Etihad Stadium.

VAVEL Logo