Ibrahimovic faz história e Milan encerra Serie A com grande vitória sobre Cagliari
Foto: Divulgação / AC Milan

Invencível e empolgante: assim foi a reta final do Milan após a volta do futebol na Itália. Neste sábado (1º), o time rossonero fez  3 a 0 no Cagliari jogando no San Siro, em partida válida pela 38ª e última rodada do Campeonato Italiano. Os gols da despedida arrasadora dos comandados de Stefano Pioli foram marcados por Ragnar Klavan (contra), Zlatan Ibrahimovic e Samu Castillejo.

 

O Milan não demorou para mostrar porque está em ótima fase. Logo aos 13, Rafael Leão limpou um defensor e bateu na trave de Alessio Cragno. Se a trave salvou os rossoblù, não dá para dizer o mesmo do zagueiro Klavan, que estava no lugar errado e na hora errada. Um gol contra para ser visto e revisto.

No minuto 22, Ibrahimovic teve grande chance para ampliar de dentro da pequena área, mas parou no goleiro Cragno. No minuto seguinte, Leão emendou uma bicicleta após cruzamento pela direita de Calabria. Dessa vez, o que parou o jovem não foi a trave, e sim o travessão.

Já aos 36, Faragò apareceu sozinho em frente ao goleiro Donnarumma, mas escorregou ao tentar o drible e perdeu a bola para Kjaer. Após novo cruzamento pela direita, Ibra desviou uma bola que morreu no braço de um defensor rossoblu: pênalti para o Milan. O goleiro Cragno, porém, levou a melhor para cima do sueco mais uma vez. Apesar do domínio (62% de posse e sete chutes, contra 38% e duas finalizações), a etapa inicial terminou com os rossoneri à frente pelo placar mínimo.

Se os mandantes começaram bem o primeiro tempo, foram ainda mais dominantes no início do segundo. Aos 47, Çalhanoglu recebeu belo passe de Ibra e saiu sozinho com Cragno, mas desperdiçou uma chance incrível batendo por cima da meta do Cagliari.

Se Çalhanoglu não fez, o sueco tratou de se redimir do pênalti perdido e foi às redes batendo forte no alto, sem chances para o goleiro, aos 55’. Com esse gol Ibrahimovic (38 anos) se tornou o jogador mais velho a marcar 10 ou mais gols em uma edição da Serie A.

Dois minutos depois, a pressão dos atacantes rossoneri funcionou e o terceiro tento saiu. A boa tabela entre Castillejo e Bonaventura terminou em um belo giro do espanhol antes de ampliar para o Milan. Com a vitória encaminhada, só restou aos mandantes administrarem os minutos que faltavam e testar os garotos do Primavera.

Donnarumma teve que se esticar todo para evitar o gol de cabeça de Faragò aos 91. O grande lance de perigo dos rossoblù foi a última finalização da partida. Nas estatísticas, o Milan terminou com 61% de posse e 12 chutes contra 39% e apenas quatro chutes do Cagliari.

Classificação final

O Milan fechou a reta final com nove nove vitórias e quatro empates nos 13 jogos desde o retorno do futebol na Itália (contando o empate contra a Juventus na semifinal da Coppa Italia), além da vaga para a próxima Liga Europa graças ao sexto lugar na tabela com 66 pontos. Uma sequência bastante convincente que fez dos rossoneri a melhor equipe da Serie A desde a retomada do tuebol ao lado da Atalanta, somando 30 pontos.

Já o Cagliari terminou seguro no meio da tabela: 12ª colocado com 45 pontos. Uma posição honrosa, mas que poderia ter sido melhor para um time que trouxe Nàndez, Giovanni Simeone, Olsen e, principalmente, Nainggolan no início da temporada.

Classificações Sofascore Resultados
VAVEL Logo