Áustria bate estreante Macedônia do Norte e vence primeira na história da Eurocopa
Foto: Divulgação/Uefa Euro 2020

Em sua terceira participação, finalmente a Áustria consegue sua primeira vitória na história da Eurocopa. Na abertura do grupo C, os austríacos bateram a estreante Macedônia do Norte por 3 a 1 neste domingo (13), na Arena Nationala, em Bucareste, na Romênia.

Lainer abriu o placar para a Áustria, mas o experiente Pandev empatou para os macedônios. No segundo tempo, Gregoritsch e Arnautovic, que vieram do banco, garantiram a vitória austríaca.

Áustria dá tiro no próprio pé

As duas equipes se posicionaram com três zagueiros, mas com abordagens muito diferentes. A Áustria de Franco Foda teve Alaba como zagueiro central de 3-5-2, com apenas um volante à frente e vários jogadores ofensivos com capacidade de criação e finalização. O time, porém, foi de certa forma burocrático.

Os austríacos tiveram 61% de posse de bola no primeiro tempo e quatro a dois em finalizações, mas em poucos momentos teve capacidade para superar a bem montada defesa macedônia. O gol saiu em um dos brilhos individuais de Sabitzer, que fez ótimo lançamento e encontrou o ala Lainer dentro da área: 1 a 0.

Após o gol, a Macedônia do Norte mostrou certa instabilidade, mas conseguiu se segurar apesar de uma momentânea queda de nível. Os estreantes, comandados por Igor Angelovski, se posicionaram em um 5-3-2, com Alioski como uma válvula de escape bastante acionada pela esquerda. Jogadores com mais capacidade técnica, Elmas e Bardhi pouco apareceram, mas uma falha defensiva foi suficiente para os macedônios buscaram o empate.

Aos 28, após chutão de Hinteregger, a bola explodiu em Sabitzer e sobrou para Trajkovski, que adiantou demais. Ele, porém, dividiu com o goleiro Bachmann e a bola sobrou livre para o experiente Pandev empatar com gol aberto, marcando o primeiro gol da Macedônia do Norte na história da Euro. No restante da primeira etapa, a Áustria teve a bola, mas pouco ímpeto para sair em vantagem.

Reservas decidem

O começo da etapa final começou com o mesmo panorama, mas o técnico austríaco decidiu mexer no ataque aos 12 - tirou Kalajdzic e e Baumgartner para as entradas de Gregoritsch e Arnautovic. Além disso, aos poucos, Franco Foda foi dando cada vez mais liberdade para Alaba, que saiu da zaga central e foi atuar mais pelo lado esquerdo.

Por outro lado, Elmas recebeu mais liberdade e foi adiantado para o ataque, enquanto Bardhi por pouco não resolveu para a Macedônia do Norte. Aos 17, ele conseguiu ótimo passe para Nikolov, mas ele parou em ótima defesa de Bachmann. A resposta austríaca foi logo no minuto seguinte. Arnautovic alçou na área, Gregoritsch raspou, e foi a vez de Dimitrievski brilhar para evitar o segundo gol da Áustria.

A atuação pouco inspirada da Áustria se mantinha, porém, teve um momento de brilho que acabou decidindo. Alaba apareceu com espaço pela esquerda aos 33 e, com categoria, colocou na área para Gregoritsch antecipar o goleiro e fazer 2 a 1. A Macedônia do Norte tentou se lançar no fim, mas acabou sofrendo o terceiro aos 44. Arnautovic recebeu belo passe de Laimer, tirou do goleiro e finalizou para assegurar a história vitória austríaca na Romênia.

O que vem por aí

Pelo segunda rodada, a Áustria encara na quinta-feira (17) a Holanda, às 16h, em Amsterdã. No mesmo dia, às 10h, a Macedônia do Norte encara a Ucrânia, novamente em Bucareste. Jogos no horário de Brasília.

VAVEL Logo