Contra Espanha e Macedônia, Ventura deixa Chiellini de fora e promove volta de Perin à Itália

Técnico da Seleção Italiana fez poucas mudanças para as próximas duas partidas, válidas pelas Eliminatórias Europeias

Contra Espanha e Macedônia, Ventura deixa Chiellini de fora e promove volta de Perin à Itália
Treinador vem mantendo a base de Antonio Conte (Foto: Gabrielle Maltinti/Getty Images)

Na manhã deste sábado (1º),  Giampiero Ventura fez sua segunda convocação desde que se tornou o treinador da Seleção Italiana. A primeira foi feita no fim de agosto, para o amistoso contra a França, disputado em Bari, vencido pelos visitantes por 3 a 1, e para o jogo contra o Israel, na estreia das Eliminatórias à Copa do Mundo de 2018, quando os italianos venceram pelo mesmo placar.

O ex-técnico do Torino fez poucas mudanças em relação ao primeiro chamado. Estão presentes na lista o goleiro Mattia Perin, os laterais Domenico Criscito e Matteo Darmian e o atacante Nicola Sansone. Já Giorgio Chiellini, homem forte da defesa da Juventus, foi cortado, pois cumprirá suspensão contra os espanhóis. 

Outra ausência, porém esperada, é a de Mario Balotelli. Atualmente no Nice, da França, o atacante vem buscando recuperar seu futebol e fez boas aparições em campo. O jovem goleiro Gianluigi Donnarumma, 17, foi novamente lembrado. Na primeira convocação de Giampiero, o atleta rossonero se tornou o mais jovem, em 105 anos, a ser convocado para a equipe principal da Velha Bota

No Grupo G, a Azurra ocupa, atualmente, a segunda posição, com três pontos, mesma pontuação da Espanha e Albânia. A nova convocação é relativo ao jogo contra os espanhóis, que ocorrerá na próxima quinta-feira (6), em Turim, e, contra a Macedônia, no dia 9, na Escópia.

Confira a lista completa da convocação:

Goleiros: Gianluigi Buffon (Juventus), Gianluigi Donnarumma (Milan), Mattia Perin (Genoa);

Defensores: Davide Astori (Fiorentina), Andrea Barzagli (Juventus), Leonardo Bonucci (Juventus), Giorgio Chiellini (Juventus), Angelo Ogbonna (West Ham), Alessio Romagnoli (Milan);

Meio-campistas: Federico Bernardeschi (Fiorentina), Giacomo Bonaventura (Milan), Antonio Candreva (Internazionale), Domenico Criscito (Zenit), Matteo Darmian (Manchester United), Daniele De Rossi (Roma), Mattia De Sciglio (Milan), Alessandro Florenzi (Roma), Riccardo Montolivo (Milan), Marco Parolo (Lazio), Marco Verratti (Paris Saint-Germain);

Atacantes: Andrea Belotti (Torino), Éder (Internazionale), Manolo Gabbiadini (Napoli), Ciro Immobile (Lazio), Graziano Pellè (Shandong Luneng), Nicola Sansone (Villareal).