Juventus sofre com retranca adversária, mas cresce na segunda etapa e bate Crotone

Após primeira etapa complicada, Velha Senhora vai às redes três vezes no segundo tempo e conquista importante vitória no Allianz Stadium

Juventus sofre com retranca adversária, mas cresce na segunda etapa e bate Crotone
Foto: Daniele Badolato - Juventus FC via Getty Images
Juventus
3 0
Crotone
Juventus: Buffon; Barzagli, Benatia, Howedes; Lichtsteiner, Marchisio, Matuidi, Alex Sandro; Douglas Costa, Mandzukic, Dybala.
Crotone: Cordaz; Sampirisi, Ajeti, Ceccherini, Pavlovic; Rohden, Barberis, Mandragora, Nalini; Budimir, Tonev.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 14ª rodada do Campeonato Italiano, disputada no Allianz Stadium, em Turim.

Na tarde deste domingo (26), a Juventus recebeu o Crotone, no Allianz Stadium, pela 14ª rodada do Campeonato Italiano e venceu por 3 a 0. Os gols da equipe da casa foram marcados por Mandzukic, De Sciglio e Benatia, todos na segunda etapa de jogo.

Com o resultado, a Juventus vai a 34 pontos e permanece na terceira posição da tabela. Enquanto o Crotone tem 12 pontos somados e cai para a 15ª posição.

Na próxima rodada, a equipe de Turim tem duelo marcado contra o líder do campeonato, o Napoli, na próxima sexta-feira (1), às 17h45, no San Paolo. Já o Crotone enfrenta o Genoa, na quinta-feira (30), às 18h, pela Copa Italia. 

Juve pressiona, mas não converte em gols

(Foto: Valerio Pennicino - Juventus FC via Getty Images)

A Juventus entrou em campo visando apenas a vitória. Logo aos três minutos de partida, Alex Sandro e Douglas Costa fizeram boa jogada pelo lado esquerdo do campo e o atacante brasileiro toca para Matuidi dentro da pequena área, que chutou e a bola passou raspando o travessão.

Durante boa parte do primeiro tempo, o Crotone não conseguiu levar perigo ao ataque e apostava nos contra-ataques a fim de pegar a defesa bianconera desarrumada. Apesar das tentativas, a Velha Senhora continuava pressionando com o trio Douglas Costa, Alex Sandro e Matuidi.

Em toda a etapa inicial, a Juventus buscava o gol, mas parava no sistema defensivo da equipe visitante. As melhores jogadas aconteciam pelo lado esquerdo do campo, com a dupla brasileira Alex Sandro e Douglas Costa, enquanto Dybala estava muito marcado e não conseguia sair para o jogo. Após dois minutos de acréscimo, o árbitro sinalizou fim do primeiro tempo.

Mandzukic abre o caminho, De Sciglio brilha

(Foto: Alessandro Sabattini/Getty Images)

A toada da partida na volta dos vestiários não foi muito diferente. A Juventus pressionava em busca do primeiro tento do jogo e o Crotone se fechava como podia. Logo aos seis minutos, Douglas Costa cruzou na área e Mandzukic cabeceou para o fundo das redes, colocando a Juventus na frente.

Na sequência, De Sciglio entrou na vaga de Lichtsteiner por opção técnica. Em seu primeiro lance no jogo, De Sciglio aproveitou rebote após escanteio cobrado e descolou um petardo de fora da área para ampliar o placar, estufando as redes do goleiro Cordaz.

No lance seguinte, Allegri sacou o zagueiro Howedes, que fez sua estreia com a camisa bianconera, e colocou Pjanic. Em um de seus primeiros lances na partida, o camisa 5 cruzou rasteiro com perfeição, encontrando Benatia livre na pequena área, que completou para o fundo das redes: 3 a 0.

A Vecchia Signora diminuiu o ritmo no fim da partida e apenas controlava o jogo. O Crotone mantinha a escrita e apostava nos raros contra-ataques concedidos pela equipe da casa. O juiz sinalizou o fim do jogo