Muricy abre as portas para Kaká e brinca: ''Impossível entrar em campo com apenas onze jogadores''
Kaká em visita ao CT do São Paulo, nas últimas semanas

Mesmo não vendo muitas chances de ver Kaká novamente com a camisa do São Paulo, o treinador Muricy Ramalho torce pelo retorno do meia. Com um ataque poderoso, o treinador brincou que, caso o jogador de 32 anos seja contratado, seria difícil montar um time tendo jogadores como Paulo Henrique GansoAlexandre Pato, Luis Fabiano, Alan Kardec entre os titulares.

''Vou ter que falar com a Fifa pra eles aumentarem o número de jogadores. Não vai dar pra jogar com onze atletas'' brincou, em entrevista à ESPN Brasil, onde Muricy participou do programa Bate Bola, na manhã desta terça-feira (10).

As especulações em relação ao futuro do meia começaram quando o jornal italiano Gazzeta Dello Sport publicou que os empresários do atleta já conversam com o São Paulo, para tratar de um retorno ao clube que o revelou.

''É um baita jogador, mas é muito difícil porque a parte financeira conta muito. Os clubes têm dificuldade. Isso pesa muito, mas no futebol muitas vezes achamos que alguns movimentos são impossíveis de acontecer e acontecem. Pode ser assim com o Kaká'', completou Muricy. 

Kaká atuou no São Paulo entre os anos de 1999 e 2003. O meia fez 125 partidas e marcou 47 gols pelo Tricolor e ainda venceu o Torneio Rio-São Paulo no ano de 2011, jogo em que marcou dois gols, na final contra o Botafogo. 

VAVEL Logo