Depois de muito tempo sem o apoio da torcida em São Januário, Adílson comemora: "Agora vamos voltar para casa"
Adílson ressaltou que no período de Copa, o Vasco pode melhorar (Foto: Marcelo Sadio/Vasco)

O Vasco iniciou a partida com vocação ofensiva. Com uma nova dupla de ataque, formada por Thalles e Kléber Gladiador, o time mostrou que o ataque podia ser decisivo. Em jogo equilibrado, o sistema defensivo do Vasco apresentava falhas, expondo Martín Silva a lances perigosos, como no que originou o gol do rival.

O técnico Adílson Baptista mostrou estar insatisfeito com sua defesa e sequer esperou o intervalo para mudar. Ele trocou André Rocha por Carlos Cesar, que fez sua estreia com a camisa do Vasco.

O Cruzmaltino saiu para o intervalo na Arena Pantanal com uma vitória parcial sobre o Santa Cruz por 2 a 1, mas iniciou o jogo e passou por dificuldades em boa parte do primeiro tempo, conseguindo gols por um chute de fora da área e em jogada de bola parada. O técnico Adílson Batista admitiu, no intervalo, a má atuação do Vasco e disse que a equipe tem muito a melhorar.

"Não iniciamos bem, estávamos um pouquinho desatentos, um pouco lentos e com algumas dificuldades. Estávamos errando, eles explorando bem, aí achei por bem tirar o André (Rocha), o Carlos Cesar dá mais liberdade, o número 10 deles (Carlos Alberto) não marca muito e o Carlos Cesar é um pouquinho mais ofensivo. Eles inverteram, jogaram um pouco mais por dentro, aí melhorou, mas precisamos melhorar", disse o treinador à Rádio Globo.

O Vasco teve um início irregular na Série B, mas o técnico Adílson Batista espera que essa fase tenha ficado para trás, sepultada pela paralisação para a Copa do Mundo. O treinador elogiou a atuação time no retorno à competição, na goleada por 4 a 1 sobre o Santa Cruz, e espera evolução nas próximas partidas. O técnico também comemorou a volta da torcida à São Januário.

"No início da competição, perdemos jogadores por lesão, para seleção, ausência de jogadores importantes. Demos oportunidades para os mais jovens. Com a paralisação durante a Copa tivemos tempo para trabalhar, oportunidade de reagrupar e ter as peças à disposição. Agora vamos voltar para casa, reencontrar nosso torcedor, e o Vasco vai voltar a ser o Vasco que todos esperam", afirmou Adílson.

Com a goleada sobre o Santa Cruz, o Vasco se aproximou do G-4, pulando para a 7ª colocação, com 17 pontos. O Cruzmaltino volta à campo neste sábado (19), quando receberá o América-RN, em São Januário, após os três jogos de punição por conta da barbárie de Joinville, quando seus torcedores brigaram com os do Atlético-PR.

VAVEL Logo