Adílson Batista valoriza a vitória e projeta atuações melhores nas próximas rodadas
Adílson Batista já mira o G-4 (Foto: Divulgação/Vasco)

Nesse sábado (2), o Vasco recebeu o Paraná Clube em São Januário, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro da Série B, e conseguiu somar os três pontos, após vencer por 1 a 0, com gol do zagueiro Douglas Silva. O resultado foi importante, mas não convenceu a torcida, que voltou a pegar no pé do treinador Adílson Batista. Apesar de ter perdido um pênalti com Kleber, o Gigante da Colina voltou a tomar sustos e o triunfo só foi confirmado graças à Martín Silva, que salvou o time em alguns lances. 

Na coletiva após a partida, o comandante vascaíno falou sobre a atuação da equipe. Segundo ele, o cruzmaltino conseguiu ter controle do jogo e poderia ter vencido com mais tranquilidade, caso aproveitasse as oportunidades de matar o jogo.

"Fizemos sim um bom primeiro tempo, controlamos bem o jogo, trabalhamos organizados, criamos situações e realmente tivemos dificuldades no segundo tempo. Tentamos corrigir, o Crispim entrou bem, fazendo jogadas individuais, deu mais velocidade. O que precisamos entender é que jogamos quarta, e o adversário, não. Isso tem um peso. Poderíamos ter decidido o jogo antes, com um jogador a mais controlamos bem. Tivemos bola na trave, outras boas chances, o rival também teve suas situações de perigo, bola na trave no fim, Martín fez ótimas defesas. É compreensível, mas o jogo de quarta explica muito", ressaltou o treinador. 

Com a vitória deste sábado, o Vasco assumiu a 8ª colocação, com 22 pontos, e colou no grupo de cima. O técnico Adílson Batista valorizou a campanha da equipe e lembrou que o cruzmaltino tem uma partida a menos em relação aos adversários.

"Pelo aproveitamento, nosso time seria o quarto colocado. A defesa está bem controlada, o saldo de gols é bom. Precisamos aumentar o número de vitórias. Estamos perto, temos um jogo para cumprir com o Náutico. A tendência é crescer. Essa é a nossa expectativa. Fizemos um bom jogo na quarta-feira também", comentou o comandante.

O Vasco volta à campo no próximo sábado (9), às 16h20, contra o ABC na Arena das Dunas. A equipe terá uma semana inteira para se preparar e Adílson será obrigado a fazer mudanças, já que Guiñazu e Diego Renan levaram o terceiro cartão amarelo e não viajarão com a delegação. O treinador lamentou as perdas.

"A perda acontece. Estávamos com nove pendurados. Agora Guiñazu e Diego Renan levaram o terceiro amarelo. Ainda temos que esperar também a situação do Diego, ver quanto tempo ele vai ficar fora pela lesão. Vamos voltar a trabalhar na terça e preparar a equipe para o próximo compromisso", finalizou Adílson.

VAVEL Logo