Ganso brinca sobre assistência: ''Coçou o pé, mas o Kaká merece''
Meia vive bom momento com a camisa do tricolor paulista (Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC)

Na noite da última quinta-feira (4), o São Paulo venceu o Criciúma no Morumbi pela Copa Sul-Americana e Paulo Henrique Ganso, mais uma vez, foi um dos destaques do tricolor paulista.

O camisa 10 foi autor de uma bela assistência para Kaká e aumentou ainda mais o número na atual temporada. Após o apito final, o meia brincou sobre seu passe e comentou sobre a sequência de jogos.

''Coçou o pé, o goleiro estava adiantado, mas o Kaká merece. Nosso time é coletivo, por isso passei a bola pra ele. Estamos dando continuidade ao trabalho. Agora é voltar ao Brasileirão'', disse.

Rogério Ceni, o capitão do time, também comemorou e exaltou o elenco, dando complemento às falas do companheiro de clube. O arqueiro disse que no duelo do próximo domingo (7), diante do Sport, a situação será outra.

''Depois do primeiro gol ganhamos confiança. Isso é tudo no jogo. Aquele gol do Edson mudou o panorama da partida, o time jogou um pouco mais solto. Não adianta se sentir confiante hoje. Domingo é outro jogo'' comentou completando as declarações do armador.

Chegando ao 50º gol com a camisa são-paulina e o primeiro no estádio desde o retorno, o articulador e ex-jogador da Seleção Brasileira comentou sobre o lance curioso que o fez chegar à marca. Ele recebeu passe na área e chutou, mas a bola explodiu em Galatto e voltou contra suas pernas, entrando no canto esquerdo do camisa 1 dos catarinenses.

"A bola ficou um pouco pra trás, o goleiro rebateu, pegou na minha perna e entrou. Está valendo. É importante para continuar com confiança no Brasileiro e na Sul-Americana", afirmou o meio-campista.

Contra o rubro-negro pernambucano, pela 19ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, uma simples vitória faz o Soberano continuar nas primeiras posições. O treinador Muricy Ramalho contará com os reforços de Alexandre Pato e Luís Fabiano, que não atuaram contra os aurinegros. Na competição internacional, a equipe aguarda o vencedor do confronto entre Huachipato, do Chile, e Universidad de Quito, do Equador.

VAVEL Logo