Dal Pozzo esboça Náutico ofensivo e focado para partida contra Bahia
(Foto: Hildo Neto/Náutico)

No treino da última quarta feira, o técnico Gilmar Dal Pozzo alternou as duplas de meias de criação, com a volta de Guilherme Biteco, que vinha de lesão na coxa. O treinador tenta despistar ao máximo qual será o time titular e sempre só libera a escalação oficial momentos antes da partida, mas, dessa vez foi diferente e no treino aberto de quinta-feira, treinou apenas com a dupla Hiltinho e Biteco, deixando Dakson no banco.

Apesar de nunca poder escalar Biteco e Dakson juntos por lesões e suspensões, o técnico teve a oportunidade de fazer isso na 37ª rodada mas não o fez. O próximo treino será com portões fechados, amanhã, na Arena Pernambuco e o Náutico provavelmente irá a campo com: Júlio César; Rafael Pereira, Ronaldo Alves, Fabiano Eller e Gastón Filgueira; Willian Magrão, Jackson Caucaia, Guilherme Biteco e Hiltinho; Bergson e Daniel Morais.

Para subir, o Náutico precisa vencer as duas rodadas e torcer por um tropeço do Sampaio e dois do Santa Cruz, missão difícil, mas não impossível. O Náutico joga no próximo sábado (21) na Arena Pernambuco contra o Bahia, que apenas cumpre tabela até o fim do campeonato, mas, na rodada anterior o Náutico, também em casa, tropeçou contra o CRB e reduziu as chances de acesso para apenas 2%.

Por isso, os jogadores estão conscientes que não adianta enviar maleta branca para o Mogi Mirim vencer o Santa Cruz em São Paulo, sem que o Náutico faça a sua parte. Em coletiva, o zagueiro Rafael Pereira falou sobre o assunto, “Acho que tudo é válido quando se tem o objetivo de subir, mas, primeiramente precisamos cumprir nosso papel. Temos que ter foco total contra o Bahia para conseguir os três pontos, que é, para nós e para toda a torcida do Náutico, mais importante”, disparou.

VAVEL Logo