e-Brasileirão: Emoção e disputa ditam primeira fase das finais
(Foto: Divulgação/CBF)

Os fãs do universo dos games ganharam um motivo a mais para amar os jogos virtuais. Em 2016, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) iniciou o primeiro campeonato oficial de Pro Evolution Soccer (PES), o e-Brasileirão. Após diversas seletivas, os 20 times da Série A conheceram seus representantes e, durante desta quinta-feira (8), lutaram para vencer o primeiro título do torneio.

Logo no início do dia, as equipes foram divididas em quatro grupos com cinco times cada. Desta forma, as equipes se enfrentaram em sistema de pontos corridos e os primeiros colocados avançaram para a semifinal.

Confira os grupos:

Grupo 1: Palmeiras, Atlético-PR, Fluminense, Figueirense e Internacional

Grupo 2: Corinthians, Coritiba, Santos, Chapecoense e Ponte Preta

Grupo 3: Flamengo, Sport, Vitória, Botafogo e Santa Cruz

Grupo 4: São Paulo, Atlético-MG, América-MG, Cruzeiro e Grêmio

Classificação do Grupo 1:

Fluminense: 10 pontos | 3 vitórias | 1 empate
Palmeiras: 9 pontos | 3 vitórias | 1 derrota
Internacional: 7 pontos | 2 vitórias | 1 derrota | 1 empate
Atlético-PR: 1 ponto | 3 derrotas | 1 empate
Figueirense: 1 ponto | 3 derrotas | 1 empate

Pelo primeiro grupo, Palmeiras e Fluminense disputaram ponto a ponto a vaga na semifinal. Entretanto, no confronto direto, quem levou a melhor foi o tricolor, que terminou invicto. O Internacional, que era atual campeão brasileiro antes do torneio oficial, acabou perdendo pontos importantes e ficou na terceira posição.

Classificação do Grupo 2:

Santos: 12 pontos | 4 vitórias 
Ponte Preta: 6 pontos | 2 vitórias | 2 derrotas
Corinthians: 4 pontos | 1 vitória | 1 empate | 2 derrotas
Coritiba: 4 pontos | 1 vitória | 1 empate | 2 derrotas
Chapecoense: 3 pontos | 1 vitória | 3 derrotas

A melhor campanha da primeira fase foi do Santos. Imbatível, a equipe de Guilherme Fonseca fez ótimas partidas e acabou saindo com a classificação sem problemas, vencendo todas. A Chapecoense de Gabriel acabou eliminada logo no início, mas o torcedor e gamer recebeu diversas homenagens dos companheiros.

Classificação do Grupo 3:

Sport: 9 pontos | 3 vitórias
Botafogo: 7 pontos | 2 vitórias | 1 derrota | 1 empate
Vitória: 6 pontos | 2 vitória | 2 derrota
Flamengo: 4 pontos | 1 vitória | 2 derrota | 1 empate
Santa Cruz: 0 pontos | 4 derrota

O Sport conseguiu levar a vaga com facilidade no terceiro grupo. Começando bem contra o Flamengo, a disputa principal foi diante do Botafogo, que estava disputando ponto a ponto contra o clube de Recife. Porém, Iago Kellwen foi melhor e derrotou o adversário por 3 a 0, garantindo a primeira colocação.

Classificação do Grupo 4:

Cruzeiro: 10 pontos | 3 vitórias | 1 empate 
São Paulo: 9 pontos | 3 vitórias | 1 derrota
Grêmio: 7 pontos | 2 vitórias | 1 empate | 1 derrota 
Atlético-MG: 3 pontos | 1 vitória | 3 derrotas 
América-MG: 0 pontos | 4 derrotas

O grupo mais equilibrado foi o quarto. Arrasador em quase todas as partidas, o São Paulo conseguiu aplicar goleadas, incluindo um 7 a 2 no Grêmio, terceiro colocado, e era o grande favorito. Entretanto, junto veio o Cruzeiro, que não desistiu, se esforçou bastante e, com vitórias simples, chegou ao último jogo precisando vencer os paulistas. Com emoção até o fim, a Raposa de Cláudio Henrique virou nos minutos finais e levou a vaga.

Depois de diversos momentos de tensão e muita emoção, os semifinalistas foram definidos: Iago Kellwen, representando o Sport, enfrenta Guilherme Fonseca, do Santos. Enquanto isso, Thiago de Souza, do Fluminense, encara Cláudio Henrique, do Cruzeiro.

VAVEL Logo