Santa Cruz domina segunda etapa e vence Náutico pelo Nordestão
Atletas corais comemoram junto à torcida após o gol de Everton Santos. Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil

Finalmente o Santa Cruz conseguiu vencer em partidas oficiais na temporada 2017. Se pelo campeonato estadual o confronto contra o Náutico no último domingo (29) na Arena de Pernambuco terminou empatado, no embate válido pela segunda rodada do Grupo A da Copa do Nordeste 2017 e realizado no Arruda o Tricolor dominou a segunda etapa e venceu por 1 a 0, com gol de Everton Santos.

Já que Uniclinic e Campinense jogam apenas neste domingo (5), a Cobra Coral agora é o líder isolado da competição, com 4 pontos ganhos, enquanto o Náutico é o vice-líder com 3 pontos ganhos. A terceira rodada da competição será realizada na próximo domingo (12), com o Santa Cruz recebendo o Uniclinic no Arruda e o Náutico indo ao Amigão, em Campina Grande, enfrentar o Campinense.

Antes disso, as duas equipes ainda jogam pelo Campeonato Pernambucano: o Tricolor visita o Central em local ainda não confirmado pela Federação Pernambucana de Futebol e o Alvirrubro recebe o Salgueiro na Arena de Pernambuco.

Pouca emoção e poucas chances de gol

Se a temperatura no Recife estava quente, o mesmo não se pode dizer do início do Clássico das Emoções. As equipes começaram o primeiro tempo se estudando, sem muitas investidas ao ataque adversário. Apenas aos 7 minutos, numa cobrança de escanteio, o Náutico chegou com perigo ao gol de Julio Cesar através de uma boa cabeçada de Tiago Alves, que passou com perigo à direita da meta timbu.

Na sequência, o Alvirrubro passou aos poucos a dominar a partida, se aproveitando principalmente dos inúmeros erros de passe dos atletas santacruzenses. O Timbu investiu muito nas jogadas pelas laterais, especialmente com Joazi pelo lado direito. Mas a maior arma do Náutico foi a bola parada. Aos 19 minutos Tiago Alves mais uma vez quase marca de cabeça no primeiro pau, mas Julio Cesar conseguiu tocar na bola e mandou para escanteio.

Somente na segunda metade da etapa inicial o Santa Cruz reequilibrou as ações e passou a chegar mais ao ataque, mas sem conseguir passar pela bem postada defesa alvirrubra. Assim como o Náutico na primeira metade, o Santa Cruz se valeu pelas jogadas de linha de fundo pelas laterais, em especial com Thomás pelo lado direito. Mas nenhuma das jogadas ofereceu grande perigo ao gol defendido por Tiago Cardoso, e o placar não saiu do zero.

Jogo equilibrado na primeira etapa. Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil
Jogo equilibrado na primeira etapa. Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil

Gol no início e Tricolor senhor das ações

No segundo tempo a história do jogo mudou completamente, já que o Tricolor resolveu partir com tudo ao ataque. Se nas primeiras investidas o ataque coral não levou perigo a Tiago Cardoso, aos 7 minutos foi diferente. Thomás levou a bola pelo lado esquerdo da grande área até a linha de fundo, aproveitou a saída atrapalhada de Tiago Cardoso e tocou para trás achando Everton Santos, livre na grande área, que apenas teve o trabalho de chutar para o fundo do gol, abrindo o placar para a Cobra Coral.

Mesmo após o gol que lhe deu a vantagem no placar, o Santa Cruz continuou pressionando forte o adversário, que se encontrava totalmente perdido na sua intermediária. A única jogada de ataque do Náutico durante todo o segundo tempo foi aos 20 minutos, numa jogada individual de Eryck fora da área, que passou por cima do gol de Julio Cesar.

O Santa Cruz continuava dono das ações na etapa final. Aos 32 minutos por muito pouco o Tricolor não amplia o placar quando Léo Costa cobrou escanteio e Halef Pitbull cabeceou forte, com muito perigo, por cima do gol alvirrubro. Outro grande lance ocorreu aos 36 minutos, quando William Barbio cabeceou sem marcação na pequena área, mas foi infeliz e a bola saiu à esquerda da meta timbu. Aos 40, Vitor lançou Everton Santos que tentou o arremate mas não colocou força na bola e ela sobrou fácil para Tiago Cardoso. Mas o placar não foi alterado e a torcida do Santa Cruz pôde comemorar a vitória contra o rival.

VAVEL Logo