Guia VAVEL do Campeonato Mineiro de 2018: América-MG
Fotomontagem: Isabelly Morais/VAVEL Brasil

Campeão brasileiro da Série B em 2017, o América-MG abre 2018 cheio de expectativas para a nova temporada que se apresenta. De volta à primeira divisão do futebol do Brasil, o Coelho começa o ano se preocupando com o Campeonato Mineiro, onde brigará pelo 17º título de sua história na competição.

O América abre sua participação no Campeonato Mineiro contra o recém-promovido do Módulo II, a Patrocinense, no Independência. O jogo acontece nesta quarta-feira (17), às 19h30.

Elenco para 2018: renovações e contratações pontuais

Diferente do que aconteceu na passagem de 2015 para 2016, onde o América também conseguiu retornar para a Série A do Campeonato Mineiro e reformulou o elenco quase inteiro, a diretoria americana apostou em renovações de jogadores importantes na campanha da Série B 2017, além de trazer reforços pontuais para a temporada.

Algumas renovações são importantes, casos do lateral-esquerdo Giovanni, dos meias Renan Oliveira e Gerson Magrão, além do atacante Luan. No entanto, a principal permanência do elenco é a do técnico Enderson Moreira.

Foto: Divulgação/América-MG

O treinador participou ativamente da montagem e da construção do time campeão da Série B no ano passado. Tamanho destaque levou o técnico a ser pretendido por diversos times da elite do futebol brasileiro. Contudo, a diretoria americana e Enderson chegaram a um acordo e a permanência do comandante americano em 2018.

Além das renovações, o América trouxe como reforços, entre alguns jogadores, o zagueiro Matheus Ferraz e o centroavante Rafael Moura.

Destaque: atacante Rafael Moura

Foto: Divulgação/América-MG

Experiente e ótimo finalizador, o centroavante Rafael Moura chegou ao América para ser a referência do ataque do Coelho. Após boas passagens por clubes como Fluminense, Atlético-PR e Internacional, o atacante adquiriu o apelido de He-Man, devido à semelhança física com o personagem de desenhos animados.

Em 2017, Rafael Moura defendeu o Atlético-MG, sendo reserva imediato de Fred. O centroavante participou de 49 jogos pelo Galo e anotou dez gols. Na reta final da temporada, o atacante não teve o contrato renovado com o alvinegro, e logo em seguida acertou vínculo com o América.

Técnico: Enderson Moreira

Foto: Divulgação/América

Campeão brasileiro da Série B em 2017, Enderson Moreira pode se gabar de ter conquistado outros feitos. Um deles é ser o treinador mais longevo do entre os times das Séries A e B do futebol brasileiro. Além disso, realizou uma das campanhas mais bem sucedidas do ano passado, com 26 vitórias, 20 empates e 10 derrotas.

Enderson Moreira terá uma nova oportunidade de faturar o Campeonato Mineiro, torneio que passou batido na temporada 2017.

Tabela da equipe (data, jogo, local)

17/01 – América x Patrocinense – Independência
21/01 – URT x América – Zama Maciel
24/01 – América x Tupi – Independência
27/01 – América x Boa Esporte – Independência
04/02 – Cruzeiro x América – Mineirão
10/02 – Uberlândia x América – Parque do Sabiá
18/02 – América x Atlético – Independência
23/02 – Tombense x América – Antônio Guimarães de Almeida
04/03 – América x Democrata – Independência
07/03 – América x Caldense – Independência
11/03 – Villa Nova x América – a definir*

*segundo o site da Federação Mineira de Futebol, o local da partida ainda não foi definido.

Campanha em 2017: reorganização para dias melhores na temporada

Com objetivos maiores que a conquista do Campeonato Mineiro, o América entrou no Estadual interessado em arrumar o elenco e o time para o restante da temporada. A decisão rendeu frutos importantes no Brasileirão da Série B.

Tão pouco interesse no Estadual foi tão evidente, que o América começou a competição com apenas uma vitória em quatro rodadas. A partir do quinto jogo até o fim da fase de classificação, o Coelho emplacou quatro triunfos em sete jogos, levando o time americano até a terceira colocação, com 19 pontos.

Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG

Na semifinal, o adversário foi o Cruzeiro. A diferença técnica entre as equipes ficou evidente em campo. No primeiro jogo, vitória celeste por 2 a 0. Na partida de volta, 1 a 1 no Independência, e o Coelho foi eliminado da competição na qual brigava pelo bicampeonato.

História da equipe: decacampeão mineiro e bi-brasileiro da Série B

Fundado em 30 de abril em 1912, o América foi fundado por estudantes do colégio “Gymnasium Anglo-Mineiro”. Não demorou muito é o Coelho começou a construir sua história de glórias. Entre 1916 e 1925, o time americano conquistou o Campeonato Mineiro, a maior sequência de títulos da competição.

Após este período, o América viveu um período de escassez, e só voltou a gritar “É campeão” em 1948, ao derrotar o Atlético na decisão estadual. Logo em seguida, ganhou o Mineiro em 1957 e 1971, este último, conquistado de forma invicta.

Foto: Reprodução

Nos anos 1970, o América disputou o Campeonato Brasileiro da Primeira Divisão, com destaque para a campanha de 1973, onde terminou em 7º lugar. Em seguida, viveu novo jejum de títulos e boas campanhas. O Coelho só voltou à elite nacional em 1993. No mesmo ano, voltou a conquistar o título mineiro após 22 anos.

A maior alegria do América aconteceu em 1997. O time americano venceu o Vila Nova-GO, por 1 a 0, e conquistou o Campeonato Brasileiro da Série B. Em 2001, novo título mineiro conquistado. Logo em seguida, o Coelho caiu de produção, chegou a Série C do Brasileirão e ao Módulo II do Estadual.

O ressurgimento veio nesta década, com a volta a primeira divisão em 2011 e 2016, além do título mineiro no mesmo ano. Em 2018, o América está de volta a Série A prometendo uma boa campanha e alegrias ao seu torcedor.

 

VAVEL Logo