Vanderlei brilha, Arthur Gomes marca, e Santos vence Estudiantes fora de casa
Momento em que Arthur Gomes empurra a bola para o gol (Foto: Javier Gonzalez Toledo/AFP/)

Em noite de Vanderlei, o Santos venceu o Estudiantes nesta quinta-feira (5), em Quilmes. A partida foi defesa contra ataque. Em uma bola, um contra-ataque, Eduardo Sasha fez linda jogada e na sobra Arthur Gomes fez o único gol da noite no Estádio Centenário. O Alvinegro assumiu a liderança do grupo 6. 

A primeira chegada da partida partiu dos donos da casa em bola alçada na área. Schunke subiu no segundo andar e cabeceou para o chão mas Vanderlei operou o primeiro milagre da noite, fazendo excelente defesa e evitando o gol.  

O Peixe respondeu com bola na rede. Em contra-ataque fulminante do time da Vila, Sasha driblou o zagueiro de forma belíssima e bateu na saída de Andújar, a bola explodiu na trave e na sobra Arthur Gomes entrou com bola e tudo para abrir o placar em Quilmes. O camisa 23, autor do gol, estava em posição ilegal mas passou despercebido pelo bandeirinha. 

Os Pincharratas tiveram a oportunidade de empatar em contragolpe. Após cobrança de escanteio santista, a zaga afastou e Melano arrancou do campo de defesa até a entrada da área brasileira, mas na hora de finalizar acabou pegando embaixo e mandando por cima do gol. 

O Alvinegro praiano teve a grande chance de ampliar aos 44 minutos do primeiro tempo. Rodrygo cruzou, Arthur Gomes finalizou para grande defesa de Andújar, a bola sobrou com Jean Mota na marca do pênalti, livre e com o gol escancarado, mas o camisa 3 desperdiçou a melhor chance da equipe após o gol. 

Na etapa complementar, o início foi de pressão alvirrubra. Após bola erguida na área, Desabato brigou e finalizou para a defesa de Vanderlei. Na sequência Rodriguez chutou de longe, mas a bola foi à direita do gol do arqueiro santista. 

O Estudiantes seguiu pressionando. Sanchez colocou na área para Pavone que matou no peito e chutou forte, mas parou na defesa do camisa 1 do Peixe. Os Léons seguiam na pressão. Campi cruzou, Otero cabeceou, Vandelei espalmou, na sobra Melano chutou e o arqueiro do time paulista se atirou para evitar o gol. 

Vanderlei foi imprescindível para a vitória. No último lance de perigo do jogo, Pavone cabeceou, mas, por mais uma vez das incontáveis no jogo, o goleiro do Santos apareceu para brilhar e defender.

O Alvinegro volta a campo na Conmebol Libertadores justamente diante do Estudiantes, dia 24, na Vila Belmiro, pela quarta rodada do grupo 6. Antes, no dia 14, estreia no Brasileiro contra o Ceará no Pacaembu e encara o Bahia na Fonte Nova, dia 21.

VAVEL Logo