Alex Maranhão marca golaço, Criciúma vira pela primeira vez na Série B e complica Londrina
Foto: Divulgação/Criciúma EC

Criciúma conquistou nesta sexta-feira (20) um resultado essencial na luta contra o rebaixamento. O Tigre venceu o Londrina, rival direto na batalha contra o Z-4, por 2 a 1, pela 16ª rodada da Série B. Thiago Ribeiro abriu o placar para o Tubarão, mas Élvis e Alex Maranhão garantiram a primeira vitória de virada dos catarinenses na competição.

Foi a quarta partida dos paranaenses sem vitórias na Segundona, e a segunda derrota seguida para um catarinense - perdeu para o Avaí por 2 a 1, na última quinta-feira (12).

Após um início muito tenso e de faltas duras, o Criciúma foi o time mais presente no ataque na primeira etapa. O time da casa teve 47% de posse de bola, mas aproveitou bem mais esse tempo para criar mais chances: oito a três em finalizações, com dois a um em chutes certos. A primeira chance mais clara foi do Londrina aos 10. Felipe Marques recebeu em profundidade, deixou Eduardo no chão e chutou de canhota, na rede pelo lado de fora.

Um fato que abalou o Criciúma foi a lesão de João Paulo, principal atacante do time, que machucou a perna em dividida com o goleiro Vagner. Aos 21, Nicolas entrou em seu lugar. Para piorar, quatro minutos depois, após belo passe de Moccelin, Thiago Ribeiro apareceu livre nas costas da defesa e tocou na saída de Luiz, que ainda desviou, mas não evitou o 1 a 0. O atacante não marcava desde março de 2017, quando ainda jogava pelo Santos.

Depois de um momento de falta de concentração, o Criciúma conseguiu se assentar em campo e criou ocasiões. Aos 32, em bom cruzamento da direita de Eduardo, Nicolas desviou de cabeça e mandou com perigo, à direita do gol. Quatro minutos depois, Marlon Freitas recebeu na beirada da área após boa tabela, levantou e Nicolas apareceu livre para finalizar, mas Vagner fez grande defesa no reflexo.

Mas não houve reflexo que salvasse o Londrina aos 41. Élvis bateu falta com muita categoria da entrada da meia-lua, mandou no ângulo direito e conseguiu empatar o jogo antes do intervalo no Heriberto Hülse: 1 a 1.

A segunda etapa começou movimentada, com o Criciúma tendo vários cruzamentos perigosos, apesar de poucas finalizações na direção do gol. Aos 16, porém, o time desperdiçou grande ocasião. Marlon Fretas cruzou da direita, Marlon apareceu de surpresa no meio da área e cabeceou com espaço, mas desperdiçou a chance errando o alvo.

A partir daí, o ritmo do jogo caiu bastante, em um momento de muitas alterações. Com muitos erros e poucas finalizações, o Criciúma passou a se abrir mais, mas sem assustas, dando espaços para as chegadas do Londrina. Aos 33, João Paulo cobrou escanteio na primeira trave, Germano raspou e Eduardo salvou em cima da linha. No minuto seguinte, o volante apareceu novamente para finalizar. Dessa vez, Patrick Vieira ajeitou para a entrada da área e Germano chegou batendo bonito, mas Luiz pegou em dois tempos.

O número de oportunidades foi crescendo cada vez mais nesse terço final do segundo tempo. Aos 37, Élvis cobrou escanteio, Nicolas apareceu no meio da área para finalizar e mandou perigosamente à direita do gol. Dois minutos depois, Moccelin fez grande jogada individual, passou por dois marcadores em velocidade e finalizou cruzado já de dentro da área, carimbando a trave de Luiz.

No melhor momento do Londrina no jogo, porém, o Criciúma conseguiu a virada na individualidade. Alex Maranhão recebeu de Eduardo na intermediária, engatilhou o pé esquerdo e fuzilou no ângulo, sem chances para Vagner: 2 a 1 Criciúma. Já nos acréscimos, Fernando Júnior tentou devolver na mesma moeda. O lateral-esquerdo arriscou chute potente da intermediária, mas rasante, mas Luiz caiu para espalmar e garantir a primeira vitória de virada do Tigre na Série B.

O resultado leva o Criciúma para a 18ª colocação, com 16 pontos, um a menos que o primeiro time fora do Z-4, que é justamente o Londrina. Se o São Bento buscar ao menos um empate contra o Coritiba, fora de casa, neste sábado (21), o Tubarão fechará a rodada na zona de rebaixamento.

As duas equipes voltam a campo na terça-feira (24). O Criciúma enfrenta o CRB no Rei Pelé, às 20h30, enquanto o Londrina recebe o Oeste, às 19h15.

VAVEL Logo