William Arão é vendido ao Olympiacos, da Grécia, e deixa o Flamengo
(Foto: Gilvan de Souza/ Flamengo)

William Arão é vendido ao Olympiacos, da Grécia, e deixa o Flamengo

Negociação entre os dois clubes avançou nos últimos dias, e o volante não enfrentará o Santos, amanhã (25) na Vila Belmiro; jogador aguarda apenas as garantias bancárias do clube grego para viajar

rafalisboa
Rafael Lisboa

O elenco rubro-negro sofrerá mais uma baixa. Após as saídas de Felipe Vizeu, Vinicius Junior e Jonas, o volante Willian Arão se juntará a eles e também deixará o clube. O Flamengo acertou a venda do volante para o Olympiacos, da Grécia, por cerca de R$ 2,5 milhões.

O clube apenas espera as garantias bancárias do clube grego para liberar o volante para viajar para realizar os exames médicos e assinar com sua nova equipe. Para a posição, o Rubro-Negro vem utilizando o jovem Lucas Paquetá, e ainda tem outro jovem, Jean Lucas, no elenco.

Arão chegou no Flamengo em 2016, após rejeitar a renovação com o Botafogo, e preferir ir para a equipe da Gávea, o que gerou um imbróglio jurídico, que dura até hoje, mas que a equipe rubro-negra venceu em todas as instâncias, até o momento.

Assim que chegou, o volante se firmou como titular da equipe com Muricy Ramalho, e depois com Zé Ricardo. As boas atuações em 2016, lhe renderam a convocação para a Seleção Brasileira no início do ano seguinte, para o amistoso contra a Colômbia, no estádio Nilton Santos.

Ainda em 2017, Arão caiu de rendimento, e teve a sua titularidade contestada ainda quando Zé estava no comando. Com Rueda, o volante voltou a ter importância, e marcar gols importantes, como nas quartas de final da Sul-Americana, contra o Fluminense. Em 2018, perdeu espaço na equipe titular para Lucas Paquetá.

No Flamengo, Willian Arão disputou 140 jogos, e anotou 16 gols pela equipe rubro-negra. Na carreira, o volante passou também pela Portuguesa e Corinthians. Ao todo, disputou 259 partidas, e marcou 24 vezes.

VAVEL Logo