Goiás recebe Ponte Preta de olho na liderança da Série B
Foto: Divulgação Goiás EC

Goiás recebe Ponte Preta de olho na liderança da Série B

Verdão, que está a dois pontos do líder Fortaleza, quer usar a força do Olímpico, para ir pra cima da Ponte que não vence há cinco jogos

PHAndrade
Pedro Andrade
GoiásMarcos; Alex Silva, David Duarte, Victor Ramos e Ernandes; Gilberto, Giovanni e Renato Cajá; Michael, Lucão e Tiago Luís Técnico: Ney Franco
Ponte PretaIvan; Igor, Renan Fonseca, Reginaldo e Nicolas; Nathan, João Vitor e Tiago Real; André Luis, Roberto (Matheus Vargas) e Júnior Santos Técnico: Marcelo Chamusca
ÁRBITROÁrbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS) Assistentes: Leirson Peing Martins (RS) e André da Silva Bitencourt (RS)
INCIDENCIASLocal: Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (Goiás) Data: 21 de setembro de 2018, sexta-feira Horário: 19h15 (de Brasília)

O duelo entre Goiás e Ponte Preta, nesta sexta (21), às 19h15, coloca frente à frente dois times que viveram situações diferentes na última rodada no Brasileirão Série B.Esmeraldino venceu em casa o rival Atlético-GO, pelo placar de 2 a 1. Já a Macaca amargou um empate com o Oeste na Arena Barueri pelo placar de 0 a 0. O último confronto entre as duas equipes foi na nona rodada da Série B 2018. Onde a Ponte venceu em casa pelo placar de 2 a 1, com dois gols de André Luis pelo lado da Macaca e Lucão descontou para o Goiás.

+ Confira as ofertas de nosso parceiro FutFanatics

Goiás sem novidades

Detentor da melhor campanha deste segundo turno, o Goiás terá força máxima nesta sexta e deve ir a campo com a mesma escalação que venceu o Atlético-GO no clássico do último sábado. As expectativas são altas, mas o técnico Ney Franco trata de colocar os pés de seus jogadores no chão, minimizando a possibilidade do time assumir a liderança já nesta rodada.

“Os números estão aí, o que a gente conseguiu até agora é uma conquista, mas ela tem que ser coroada nas próximas 11 rodadas com o acesso. Não é o momento de começar a falar sobre liderança. Ela vai acontecer naturalmente, temos que seguir fazendo nosso papel. O mais importante é a gente fazer o resultado. Se o Fortaleza tropeçar, poderemos ir para a liderança. Se o Vila tropeçar, abriremos cinco pontos de um time que luta pelo G-4”, afirmou o treinador, em coletiva de imprensa concedida nesta quinta-feira.

Com problemas físicos, Rafinha e Lucão não participaram dos primeiros treinos da semana, mas já voltaram às atividades normalmente e estarão à disposição. Artilheiro do campeonato, o segundo será titular. O primeiro, por outro lado, deve começar no banco, já que Tiago Luís foi bem contra o Dragão e será mantido.

Reginaldo destaca trabalho da defesa e mostra otimismo para melhor rendimento na reta final de Série B

A equipe da Ponte Preta segue a preparação para o jogo diante do Goiás e realiza nesta quarta-feira (19), mais uma atividade, a penúltima antes da viagem para Goiânia, local da partida de sexta-feira (21). O zagueiro Reginaldo comenta sobre o bom momentos vivido pela zaga da Macaca, que dos últimos cinco jogos sofreu apenas três gols.

“Nós ali do setor defensivo estamos felizes pelo momento que estamos vivendo, e não só nós da defesa, porque a marcação começa pelos atacantes. Às vezes a bola chega mascada até nós, o que ajuda no nosso desempenho. Individualmente, tive pequenos imprevistos. No início tive sequência, mas devido a tendinite no joelho fiquei limitado em alguns momentos e perdi a posição. Retomei de novo e infelizmente tive uma pequena lesão. Graças a Deus foi curta e pude retornar mais uma vez”, afirma Reginaldo

Sobre o duelo contra os goianos, Reginaldo fala em respeito ao adversário, mas acredita em bom resultado da Macaca. “Para nós é bom jogar uma partida deste porte, contra um time que está no G4 e tem um elenco muito qualificado, com jogadores que tem muito recurso. Acho que temos que entrar bem concentrados na partida, respeitando a equipe do Goiás, sabendo do momento que vivem, mas também entender que nosso grupo tem qualidade”, destaca o atleta, que revela.

“Já ví vários jogos e atuei com alguns atletas do Goiás. Eles tem o Michael, que faz um grande campeonato e acho que o segredo para enfrentá-los é a atenção de todos. Oportunidades irão aparecer e quando surgirem, que estejamos capacitados para converter em gols”, comenta o defensor pontepretano. O atleta finaliza ao traçar uma perspectiva otimista na competição.

“Tem muitos pontos a serem disputados, tanto que nessa última rodada, os resultados foram favoráveis para nós. Até o final do campeonato, os times que estão em cima podem tropeçar. Mas nós temos que pensar jogo após jogo e esquecer um pouco a tabela. Precisamos pontuar, focar no jogo contra o Goiás, e vamos em busca de todas as formas e estratégias que o professor for implantar, para sair de lá com três pontos”. finaliza Reginaldo

VAVEL Logo