CRB vence lanterna Boa Esporte em jogo dramático e respira na Série B
Foto: Douglas Araújo/Ascom CRB

Em confronto da parte de baixo da tabela, CRB e Boa Esporte se enfrentaram no estádio Rei Pelé neste sábado (3). No jogo onde cada time teve um tempo tomando conta das ações ofensivas o time alagoano conseguiu tirar proveito do mando de campo e ganhou o jogo por 2 a 1, em jogo válido pela 34ª rodada da Série B.

Jogando em casa o CRB tomou conta do jogo desde o início, todas as ações ofensivas nos 15 primeiros minutos foram do time da casa. O Boa Esporte só conseguiu ameaçar o sistema defensivo do time alagoano depois do time da casa abrir o placar aos 12 minutos.

Em lance rápido Edson Ratinho fez uma excelente jogada individual, invade a área do Boa Esporte e foi tocado por Jadson. O árbitro bem posicionado marcou a penalidade. Willians Santana bateu com estilo e marcou seu quinto gol na Série B. Após o reinicio da partida, o Boa Esporte chegou com perigo em cabeçada de Machado, que passou por cima da trave.

Depois dos 15 minutos, o jogo se transformou numa partida de especulações e as ações ofensivas ficaram restritas a bolas paradas e ligação direta da defesa para o ataque. Com pouca qualidade técnica estava difícil furar as defesas. Aos 26 minutos, em vacilo do zagueiro Anderson Conceição, Daniel Cruz perdeu a melhor chance do Boa no jogo. Ele ficou cara a cara com João Carlos e tentou chutar por baixo do goleiro, que fez uma grande defesa e colocou a bola para escanteio.

Durante o resto do primeiro tempo, o CRB ficou especulando jogadas, mas não era feliz no terço final do campo onde ou errada o passe ou a defesa do Boa Esporte afastava o perigo. O time mineiro ainda teve uma última chance de empatar no fim da primeira etapa. Aos 45 minutos, em cobrança de falta, a bola ficou viva dentro da área do Galo e, na sobra, Alyson chutou e a bola passou tirando tinta das balizas de João Carlos. 

O segundo tempo começou travado. Bem postado na defesa, o CRB buscou jogar no erro do Boa. Aos seis, o time alagoano conseguiu uma escapada, e Willians Santana foi à linha de fundo, cruzou para dentro área e, Alípio, livre, chutou por cima do gol de Darley, perdendo chance incrível.

Após a chance perdida pelo time da casa, o jogo ficou morno por conta de muitos erros de passe dos dois times, pouco criaram até os 34 minutos da segunda etapa, quando o Boa Esporte chegou com Machado. Ele arriscou de fora da área, a bola desviou em Anderson Conceição e por pouco não entrou no gol defendido por João Carlos. Em seguida, na cobrança de escanteio o time mineiro criou nova boa chance. No cruzamento, Rafael Carioca cabeceou contra o próprio gol e o goleiro regatiano faz grande defesa: a bola bateu no travessão e, no rebote, Luan finalizou novamente no travessão.

Aos 40 minutos, depois de estar melhor e chegar mais vezes ao ataque, o Boa Esporte conseguiu igualar o marcador do jogo. Hélder jogou a bola na área, Bruno Tubarão chegou na pequena área e tocou para dentro do gol de João Carlos: 1 a 1.

O jogo parecia se encaminhar para o empate. Com poucas chegadas no segundo tempo, o CRB não demonstrava força para mudar algo e o Boa Esporte por ter o empate fora de casa se conformava com o resultado. Aos 43 minutos, em lance onde o Galo cobrou falta para dentro da área. O goleiro Darley saiu mal do gol, Everton Sena tocou de cabeça e garantiu três pontos importantes para os alagoanos: 2 a 1.

Com 38 pontos, o CRB é o 16º colocado, com três a mais que Juventude e Paysandu, que estão no Z-4. Na próxima rodada, tem confronto direto contra o Juventude, na terça-feira (6), às 21h30. No mesmo dia, às 20h30, o Boa Esporte, que ocupa o último lugar, com 29 pontos, visita a Ponte Preta.

VAVEL Logo