Valentim lamenta derrota do Vasco e chances no fim: “Não fizemos”
Foto: Rafael Ribeiro/ Vasco

Valentim lamenta derrota do Vasco e chances no fim: “Não fizemos”

Saindo na frente durante os 90 minutos de jogo, o Flamengo chegou ao empate nos acréscimos e levou a partida para a disputa de pênaltis onde acabou levando a melhor eliminando o Vasco por 3 a 1

agnesrigas
Agnes Rigas

Após a derrota do Vasco nos pênaltis para o Flamengo, na final da Taça Rio nessa tarde de domingo (31) no Maracanã, o técnico Alberto Valentim falou sobre o resultado final da partida na entrevista coletiva. Com o time cruz-maltino saindo na frente no placar e deixando o adversário empatar a partida nos acréscimos o Gigante da Colina ficou como vice campeão.

Perdendo nas penalidades por 3 a 1, o comandante do Vasco lamenta que o seu time tenha levado o gol no final da partida pois diz estarem melhor no jogo. O mesmo falou que o time ainda vem pecando com as oportunidades perdidas que ditam o resultado do jogo, e foi justamente o que aconteceu. Com o clube cruz-maltino perdendo o gol o que poderia dar um resultado tranquilo no jogo, o time deu a oportunidade de empate para os rubros negros que não perderam a chance.

"A gente teve chance de fazer o segundo gol e não fizemos. O Flamengo não nos criava problemas. Existe um mérito no gol deles, mas alguma coisa que não funcionou defensivamente. Muito ruim perder. Agora vamos recuperar para terça", falou Valentim.

Mesmo com o resultado negativo, o técnico não deixou de destacar a evolução que sua equipe teve e de como não pode deixar que essa derrota abata seus jogadores. O comandante com o resultado terá menos tempo para corrigir alguns pontos nos jogadores e terá que trabalhar para que o emocional do elenco não seja um problema para a próxima fase.

"É importante que estou vendo uma evolução em alguns aspectos. Hoje foi um pecado. Sofremos um gol faltando poucos minutos. Não termos a vantagem na final e menos tempo para trabalhar para o próximo jogo. Temos uma semana cheia para recuperar os jogadores", destacou.

Outros pontos:

Sobre a posse de bola:

“A gente podia ter ficado mais com a bola, mas é difícil sabendo que o adversário queria o gol. Foi uma mescla de jogadores experientes com jovens”.

Sobre o posicionamento defensivo:

“A gente vem fazendo uma fase defensiva boa. Mas quando acontece um gol do adversário alguma coisa aconteceu. Hoje eu perdi dois jogadores com substituições forçadas.”

VAVEL Logo