Duelo inédito: Cruzeiro e Internacional medem forças na semifinal da Copa do Brasil
Jogo da ida da semifinal será no Mineirão. Partida da volta será 4 de setembro, no Beira-Rio (Foto: Vinnicius Silva/ Cruzeiro)

Duelo inédito: Cruzeiro e Internacional medem forças na semifinal da Copa do Brasil

Pela primeira vez, os dois time se enfrentam no maior torneio eliminatório do Brasil, em confronto de tradição versus momento

eduarda-goncalves
Eduarda Gonçalves
CruzeiroFábio; Orejuela, Dedé, Léo, Egídio; Henrique, Ariel Cabral; Robinho, Sassá, Marquinhos Gabriel; Pedro Rocha. Técnico: Mano Menezes.
sc internacionalMarcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta, Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenílson, Patrick; Nico López, Rafael Sobis, Paolo Guerreiro. Técnico: Odair Hellmann
ÁRBITROToros de Herrera
INCIDENCIASPARTIDA VÁLIDA PELO JOGO DE IDA DA SEMIFINAL DA COPA DO BRASIL, DISPUTADA NO MINEIRÃO, EM BELO HORIZONTE.

Na noite desta quarta-feira (07), Cruzeiro e Internacional dão o pontapé inicial para a decisão da semifinal da Copa do Brasil, às 21h30, no Mineirão. De um lado, a tradição celeste favorece; do outro, um histórico colorado menos vitorioso, mas em boa fase na temporada.

RAPOSA SE APEGA À TRADIÇÃO

Mano Menezes atravessa o seu pior momento à frente da equipe celeste. Como mandante, nos últimos 17 jogos, o Cruzeiro tem apenas um triunfo. No Brasileirão, são dez jogos sem vitória. Nas últimas sete partidas, nenhum gol marcado. Mas, se a fase do Cruzeiro não é boa, a tradição inspira confiança. Afinal, trata-se do rei de Copas, com seis taças. Serão 180 minutos que valem uma redenção diante do seu torcedor.

Como de costume, Mano Menezes fechou totalmente à preparação da Raposa para o confronto. A dúvida fica no setor ofensivo, que não marca há sete partidas. Thiago Neves pode ser a alternativa a ser tirada do time. Sassá pode ganhar uma chance. Na lateral esquerda, a dúvida entre Egídio ou Dodô. 

Quem está fora: Rodriguinho (recuperando de cirurgia na região lombar) e David (suspenso)

PROVÁVEL ESCALAÇÃO DO CRUZEIRO: Fábio; Orejuela, Dedé, Léo, Egídio; Henrique, Ariel Cabral; Robinho, Sassá, Marquinhos Gabriel; Pedro Rocha. 

INTER EMBALADO E COM MISTÉRIO

O Internacional vai muito bem sim senhor, obrigada. Ainda que não tenha vencido como visitante no Brasileiro, está nas quartas de final da Libertadores e na semifinal da Copa do Brasil. O time colorado chega a Belo Horizonte para conseguir um bom resultado e encaminhar a vaga à final da competição (que pode ter um Gre-Nal). Se vencer, o time colorado quebra um jejum que está perto de completar 15 anos. A última vez que o Inter bateu o Cruzeiro no Mineirão foi em 2004, pela Copa Sul-Americana, com gol de Rafael Sobis - hoje no Internacional.

Odair Hellmann fez mistério e não divulgou a escalação colorada. A dúvida, está no retorno de Rodrigo Lindoso. O volante se recupera de uma entorse no tornozelo esquerdo. Caso seja vetado, Rithely permanece. Sem D’Alessandro, suspenso, Rafael Sobis formará o trio ofensivo com Nico López e Paolo Guerrero.

Quem está fora: Rodrigo Dourado, D’Alessandro, Matheus Galdezani, Emerson Santos e Roberto

PROVÁVEL ESCALAÇÃO DO INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta, Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenílson, Patrick; Nico López, Rafael Sobis, Paolo Guerreiro. 

PREMIAÇÃO 

A classificação para a final vale, também, um bom reforço no caixa. Este ano, o campeão ficará com prêmio de R$ 70 milhões, enquanto o vice garantirá R$ 20 milhões.

ARBITRAGEM

O dono do apito é Luiz Flávio de Oliveira apita, auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse e Danilo Ricardo Simon Manis, todos de São Paulo. O árbitro de vídeo será Braulio da Silva Machado, de Santa Catarina. Árbitros da categoria FIFA.

VAVEL Logo