Com duas derrotas seguidas, Amadeu explica naufrágio do Vitória na competição
Foto: Letícia Martins 

Na noite dessa terça (17), Vitória e São Bento se enfrentavam pela 23ª rodada da Série B, que aconteceu estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba. Mais uma vez o rubro-negro não se deu bem, foi derrotado pelo São Bento, no placar de 2 a 0. O resultado é perigoso para o time, que se encontra na 15º colocação na tabela, e pode acabar essa rodada na Z-4, após uma sequência boa de jogos a zona de rebaixamento volta assustar o time baiano.

Após o jogo, o atual técnico do Vitória falou sobre as complicações do time na competição:

"É a Série B. Competição complicada, não tem esse negócio de primeiro colocado. Coritiba estava vencendo uma sequência grande e agora tem cinco rodadas sem vencer. A gente vinha de sete jogos sem perder e perdemos duas. Tivemos dois confrontos diretos e não fomos felizes. A discrepância da tabela é pequena, o time que está no meio da tabela não está distante do G-4 ou do Z-4. O campeonato é muito complicado."

Com alguns jogadores suspensos, Amadeu explicou as mudanças na formação de titulares na partida contra o São Bento:

"A gente tentou dar consistência de marcação, na ausência de jogadores que perdemos seja por lesão ou por suspensão. A gente tentou colocar um time que também tivesse poderio de ataque, coisa que temos dificuldade. Ter controle de jogo e profundidade. Conseguimos ter mais profundidade, jogo por dentro e por fora, mas faltou capricho na finalização. Quando tivemos capricho, a bola tocou na trave, o goleiro defendeu. Tivemos bola que poderíamos ter colocado para dentro. Faltou isso, colocar a bola para dentro."

Apesar das últimas derrotas, Amadeu segue confiante para as próximas rodadas que serão contra os times que se encontram no G-4. Próxima terça (24), enfrentará o Atlético-GO às 21h20, que se encontra na segunda colocação, no domingo (29) o confronto será contra o Bragantino, atual líder. Na quinta (03), a partida será com o Sport, atual terceiro lugar, finalizando essa ordem de jogos. 

"A gente tentou dar consistência de marcação, na ausência de jogadores que perdemos seja por lesão ou por suspensão. A gente tentou colocar um time que também tivesse poderio de ataque, coisa que temos dificuldade. Ter controle de jogo e profundidade. Conseguimos ter mais profundidade, jogo por dentro e por fora, mas faltou capricho na finalização. Quando tivemos capricho, a bola tocou na trave, o goleiro defendeu. Tivemos bola que poderíamos ter colocado para dentro. Faltou isso, colocar a bola para dentro."

Atualmente, o Vitória se encontra com 24 pontos, próximo do Z-4, seu objetivo principal na competição é não ser rebaixado e permanecer na Série B.

VAVEL Logo