Eduardo Barroca é anunciado como novo técnico do Atlético-GO
Foto: Vitor Silva/Botafogo FR

A diretoria do Atlético-GO agiu rápido e já anunciou quem vai comandar a equipe no banco de reservas. Na tarde desta segunda-feira (13), Eduardo Barroca foi o escolhido pelo presidente Adson Batista para substituir Wagner Lopes, demitido no último sábado (11), após o empate diante do Vila Nova em 1 a 1. Barroca chega ao clube goiano oito dias depois de ser demitido do Botafogo, clube onde esteve desde o início do Campeonato Brasileiro.

Eduardo Barroca tem 37 anos de idade e nasceu no Rio de Janeiro. Começou sua carreira em comissões técnicas em 2000, como preparador físico da equipe Sub-13 do Flamengo. Posteriormente, passou por Madureira, Corinthians, Audax, Botafogo, Fluminense, Vasco da Gama e nas categorias de base da Seleção Brasileira, sempre como auxiliar técnico da base ou das equipes profissionais.

Em 2011, comandou o time principal do Bahia de maneira interina. Em nove jogos, foram sete vitórias, uma derrota e um empate. Tal feito o colocou como o técnico mais jovem a conquistar uma vitória no Brasileirão, aos 29 anos, quando o Esquadrão venceu o Flamengo por 3 a 1 no Engenhão. Em 2016, passou a comandar a equipe Sub-20 e Sub-23 do Botafogo.

Ganhou destaque e foi contratado pelo Corinthians em 2019. Comandou a base do Timão na Copa São Paulo de Futebol Júnior no início da atual temporada e foi contratado no último mês de abril pelo Botafogo. Na equipe de General Severiano, comandou 27 jogos entre Série A e Copa Sul-Americana. Foram 10 vitórias, três empates e 14 derrotas.

O presidente do Atlético-GO explicou, em um post em uma rede social própria, o objetivo em ter optado pela demissão de Wagner Lopes e, posteriormente, a contratação de Eduardo Barroca. A princípio, o trabalho tem vínculo até o fim do ano. Caso seja bem-sucedido e o Dragão retorne à elite do futebol brasileiro, a tendência é que o contrato seja estendido.

O Atlético-GO ocupa a terceira posição do Campeonato Brasileiro da Série B, com 47 pontos, seis à frente do América-MG, quinto colocado e equipe mais próxima do G-4. O time tem dez rodadas para garantir o acesso à Série A 2020. O primeiro passo é na noite desta segunda-feira (14), quando encara a Ponte Preta às 20h, no Estádio Antônio Accioly, em Goiânia. Eduardo Barroca apenas observa o time, que será comandado nesta noite por Eduardo Souza, auxiliar da comissão técnica permanente.

VAVEL Logo