Coritiba bate São Bento fora de casa e se mantém no G-4 da Série B
Coritiba Oficial / Divulgação

O Coritiba venceu o São Bento por 2 a 1 nesta terça-feira (15), no Estádio Walter Ribeiro, pela 29ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e segue vivo na disputa para garantir o acesso. Com gols de  William Matheus Juan Alano, o time embala a terceira vitória seguida e permanece no G-4 da competição. Mansur descontou para os anfitriões.

O Coxa permanece em quarto lugar, com 46 pontos. Já o São Bento é o último colocado, com apenas 27. Na 30ª rodada, no sábado (19), o Coritiba visita o Vila Nova no Serra Dourada às 16h30. Já os paulistas enfrentam o Operário-PR, às 19h.

Primeiro tempo verde

O primeiro gol do Coritiba saiu logo no início de jogo, aos dois. William Matheus mandou para o gol, mas Renan Rocha espalmou e no rebote, William aproveitou e mandou, de cabeça, para dentro das redes dos rivais. Mesmo atrás no placar, o São Bento não desistiu e pressionou o clube paranaense. Logo após o gol, Paulinho Boia teve chances claras de empatar o jogo, mas não contava com defesas de Alex Muralha. Rafinha aproveitou e em jogada de contra-ataque quase ampliou o resultado, porém, o goleiro Renan ficou com a bola. 

Ambas as equipes buscavam o domínio da partida, equilibrada. William Matheus explode um chute nas mãos de Renan Rocha e Romércio manda para fora ao cabecear. Já do lado dos anfitriões, Paulinho Bóia e Rodolfo tiveram as melhores oportunidades. O fim da primeira etapa foi acirrada e não demorou para o Coxa ampliar. Aos 40, Juan Alano na entrada da área, depois de receber de Rafinha, manda uma bomba para as redes adversárias e deixa em 2 a 0. 

São Bento marca e diminui vantagem 

Atrás no placar, o clube mandante precisava de gols. Foi obrigado a mostrar um jogo mais ofensivo e a levar perigo para a defesa do Coxa. Aos 24, Mansur, ao receber passe de Zé Roberto, aproveitou e mandou para as redes, deixando Muralha atrapalhado. O Coritiba precisou segurar e se defender do time da casa, que ditou o ritmo até o final da partida e pressionou totalmente os visitantes.

Próximo do final, o técnico do São Bento, Milton Mendes, foi expulso por reclamar da arbitragem. Mesmo melhor, os mandantes não conseguiram o empate e até mesmo a vitória e ficaram com o 2 a 1.

VAVEL Logo