De olho na Sul-Americana, Vasco recebe um Cruzeiro desesperado em São Januário
Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro 

Cruzeiro e Vasco se enfrentam na noite desta segunda-feira (2), às 20h, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, em São Januário. Duelo é mais significativo para a Raposa, que figura na zona de rebaixamento com 36 pontos - 17 º - e tem a missão de tentar ganhar se quiser sair; seu adversário possui 44 e está em 13º lugar na tabela, no entanto, apenas dois pontos o separa do perigo de sair da zona classificatória para a Sul-Americana - hoje, o foco vascaíno.

Confronto marca a reestreia de Adilson Batista no comando celeste, que retornou ao clube onde obteve seu auge na carreira, em 2008-2010.

Ambição pela Sula

O Vasco tem como ambição uma vaga na Sul-Americana. Distante de uma vaga na Libertadores e de se rebaixar, a equipe planeja ótimos três jogos a fim de encerrar com chave de ouro o campeonato, diante das circunstâncias de uma luta contra o rebaixamento durante considerável recorte do campeonato e limitações compreendidas por aqueles que cercam o clube

Tendo o Cruzeiro pela frente, Fernando Miguel comentou sobre o que enxerga não apenas deste confronto, mas também dos dois últimos.

“Temos que ter respeito pela instituição, pela camisa, pelo torcedor, por nós mesmos e pela mudança de panorama no campeonato"

Provável time do Vasco: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Henríquez, Leandro Castan e Henrique; Richard, Bruno Gomes, Felipe Ferreira e Guarín; Rossi e Marrony

Estreia de Adilson no comando          

Restando apenas três rodadas para o fim do Brasileirão, o Cruzeiro vive a pior crise de sua história – dentro e fora dos campos. Após a derrota para o CSA por 1 a 0, Abel Braga foi demitido e, para seu lugar, veio Adilson Batista.

Em sua apresentação, o treinador ressaltou vantagens que podem ser essenciais para uma eventual vitória.  

“Eu fiz, recentemente, um jogo contra o Vasco, onde jogamos melhor. Então, possível é, pela grandeza do Cruzeiro, pela qualidade de seus jogadores. Preciso da ajuda deles (os torcedores). Tenho o privilégio de saber o resultado de Ceará e Atlético Paranaense, para ir lá em São Januário fazer um grande jogo e trazer a vitória”

Sem Thiago Neves: constatado com um edema na coxa esquerda, o meia não viajou junto à equipe para o Rio de Janeiro. É importante recordar que o atleta vem colecionando várias polêmicas e se tornou o principal alvo da torcida quanto ao elenco.

Além de sua ausência, Dodô e Dedé também estão lesionado e não estarão à disposição

Provável equipe do Cruzeiro: Fábio; Orejuela, Cacá, Léo e Egídio; Henrique, Éderson e Jadson (Ezequiel); David e Pedro Rocha.

VAVEL Logo