Internacional recebe São José em duelo pelo Brasileiro Feminino
Foto: Mariana Capra

O primeiro desafio do ano para as meninas do Internacional é contra o São José-SP, no domingo (9), às 15h, no Estádio do Vale. Com um mês de pré-temporada finalizado, as meninas do Colorado  realizaram os últimos ajustes antes da estreia no Campeonato Brasileiro A1

Sob o comando do técnico Maurício Salgado, as meninas treinaram variações táticas. O foco das atividades foram as bolas paradas e a movimentação, o trabalho envolveu marcação e transição defensiva. 

O Inter vem evoluindo ano a ano em busca do topo após ter voltado para a séria A1. Para 2020, teve a volta de Byanca Brasil, campeã do Gauchão com a equipe em 2017. Contou com outros reforços de peso como a Djenifer e Kemelli. Um outro fator importante para a equipe colorada foi a permanência de Fabi Simões e Bruna Benites.

A comissão técnica conseguiu uma melhora profissional, com uma nutricionista, um auxiliar de campo, um supervisor, uma médica e um fisioterapeuta, além de uma troca na preparação das goleiras.

As meninas que fizeram parte do sub-18 no ano passado como Mayara, Isa Haas, Belinha, Malu, Julia, Jheniffer, Queila e Tai conseguiram uma vaga no time principal. O Inter perdeu 11 atletas para essa temporada, Baiana, Camila Duarte, Camila Rodrigues, Fernanda, Flavinha, Gabi Batista, Ilana, Kika, Mariana Stefani, Moretti e Mylena. 

A equipe de São José  passou por uma reformulação nesta temporada, apenas 7 foram mantidas e 17 contratações. A maior perda foi Poliana, principal nome do ano passado, a lateral direita assinou contrato e se transferiu para o Corinthians. 

Porém a artilheira do São José no Brasileiro de 2019 com oito gols, Fernanda Tipa se manteve na equipe e é a esperança de gols novamente. As meninas da águia agora contam com Adilson Galdino dos Santos no comando da equipe, com sua segunda passagem pelo clube, o treinador tem na bagagem títulos como tricampeão da Libertadores e campeão da Copa Nestlé no Japão.

O São José recebeu apoio da  Prefeitura de São José dos Campos por meio do Fadenp (Fundo de Apoio ao Desporto Não Profissional), na forma de bolsas-auxílio para esta temporada, as despesas de custeio da competição são cobertas pela LIF (Lei de Incentivo Fiscal) do município. A base de seu elenco são formadas por atletas amadoras. 

VAVEL Logo