Com vantagem confortável, Bahia vai ao Paraguai encarar o Nacional pela Sul-Americana
Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia 

Nesta quarta-feira (25), às 19h15, acontece a partida de volta entre Nacional, do Paraguai, e Bahia, pela primeira fase da Copa Sul-Americana, que acontece no Estadio Luis Alfonso Giagni. Após a larga vitória dos tricolores por 3 a 0, em seu território, a equipe comandada por Roger Machado busca garantir a classificação para a próxima etapa.  

Tricolor em busca do inédito

Será a primeira vez que o Bahia vai até o Paraguai, no qual busca seu segundo ineditismo de sua história: triunfar, em condição de visitante, diante de uma equipe estrangeira pela competição. Das sete participações - contando esta -, jamais aconteceu uma vitória fora do país.

Na busca por garantir a classificação, o atacante Clayson espera uma postura ativa do Nacional na busca pelo resultado, e revelou a possível estratégia a ser adotada pelos baianos em resposta a tal estratégia. 

"A gente sabe que eles vão se atirar, porque precisam do resultado. Que a gente possa pressionar bem a equipe, talvez um contra-ataque, para que a gente possa fazer o gol e, aí sim, conseguir liquidar essa partida." 

Possível escalação do Bahia: Anderson; João Pedro, Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore, Flávio e Rossi; Clayson, Élber e Gilberto

O que esperar do Nacional?

Na quarta colocação do Campeonato Paraguaio, com três vitórias em seis jogos, a equipe da capital possui como principal arma, Guillermo Beltrán, que já soma dois gols pela Liga Paraguaia Apertura, e tem como seu comandante Tiburón Torres - importante personagem na história de seu rival regional Cerro Porteño.

Na última rodada, pelo torneio nacional (Apertura), ganhou do 12 de Octubre por 2 a 0, quando não fez uma boa partida, prevalecida de jogadas iniciadas por chutões. 

Provável escalação do Nacional: Juan Espínola; Juan Franco, Ricardo Garay, Luís Cabral e Farid Díaz; Danilo Santacruz, Cristián Riveros e Alexis González; Edgar Zaracho; Franco Costa e Guillermo Beltrán

VAVEL Logo