Chapecoense vence Criciúma e sai em vantagem na semifinal do Catarinense
Foto: Márcio Cunha/Chapecoense 

Abrindo vantagem dentro de casa mais uma vez, a Chapecoense venceu o Criciúma na Arena Condá neste domingo (2), em partida válida pelo jogo de ida da semifinal do Campeonato Catarinense, com gol de Paulinho Moccelin. 

Recuado, o Criciúma se fechou diante da Chapecoense na primeira etapa. Com a marcação forte, os times tinham dificuldades em trocar passes e concluir jogadas. Buscando encontrar espaços na defesa do Tigre, a Chape foi quem mais assustou no primeiro tempo.

Com o meio de campo congestionado, o Verdão apostava nas jogadas pela lateral direita do campo. Aos 19 minutos, Denner avançou sozinho e arriscou de fora da área. A bola tirou tinta da trave de Agenor

A primeira grande oportunidade do Criciúma surgiu já nos acréscimos da primeira etapa. Aos 46, Foguinho aproveitou sobra após cobrança de escanteio e mandou uma bomba à esquerda de João Ricardo, que saiu para tiro de meta. 

Em um minuto de bola rolando para o segundo tempo, o Verdão abriu o placar. Denner arruma de cabeça e deixa Paulinho Moccelin livre dentro da área, que se livrou da marcação e balançou as redes em um chute colocado. 

Com a vantagem no placar, a Chape se fechou no segundo tempo e, com a marcação forte, teve cinco jogadores amarelados, sendo quatro deles da linha defensiva. Um dos advertidos com cartão foi o lateral Alan Ruschel, que já estava pendurado e não joga a partida de volta. 

Sem conseguir furar a defesa alviverde, o Criciúma teve grande oportunidade aos 36, após bola parada na entrada da área. Mas o atacante Luquinha mandou por cima do gol. 

O Verdão ainda perdeu uma chance incrível de ampliar o placar no último lance do jogo, em contra-ataque perfeito. O jovem Alan Grafite, frente a frente com Agenor, tentou mandar direto para o gol, mas o goleiro do Tigre fez a defesa para salvar os visitantes. 

Sem novas alterações no placar, o jogo encerrou-se com vitória de 1 a 0 para o Verdão. A decisão acontece na próxima quarta-feira (05), às 21h30, no Estádio Heriberto Hülse

VAVEL Logo