Por vaga na Copa do Brasil 2021, Bragantino e Guarani se enfrentam na decisão do Troféu do Interior
Foto: André Albuquerque / Guarani FC

Red Bull Bragantino e Guarani se enfrentam nesta terça-feira (4) pela final do Troféu do Interior. A partida acontecerá as 20h, na Arena Barueri.

Além do título, a equipe vencedora ganhará o prêmio de R$ 360 mil e terá vaga garantida na Copa do Brasil de 2021.

Bragantino busca bicampeonato

O RB Bragantino é o atual campeão do Troféu do Interior. No ano passado, quando ainda era Red Bull Brasil, venceu a Ponte Preta nos pênaltis e conquistou o título.

Neste ano, o Braga terminou a fase de grupos do Paulistão como dono da melhor campanha na classificação geral, mas foi eliminado pelo Corinthians nas quartas, indo diretamente para a semifinal do Troféu do Interior, ocasião em que venceu o Botafogo nos pênaltis.

Para o confronto contra o Bugre, o técnico Felipe Conceição não deve poupar sua equipe titular, como fez na última partida.

Provável escalação do Red Bull Bragantino: Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Edimar; Ryller, Matheus Jesus e Claudinho; Ytalo, Morato e Artur.

Guarani deve manter equipe do último jogo

Antes da paralisação por conta da pandemia do coronavírus, o Bugre tinha a classificação para as quartas do Paulista encaminhada. Entretanto, na retomada do campeonato, perdeu dois jogos consecutivos e ficou de fora.

Nas quartas do Troféu do Interior, passou pelo Ituano nos pênaltis e, na semi, ganhou de virada da Inter de Limeira.

O técnico Thiago Carpini deve manter a mesma formação que iniciou a última partida. O meia Geovanny e o atacante Rafael Costa continuam vetados pelo departamento médico e o lateral Cristovam e o volante Igor Henrique permanecem afastados devido a apresentação de sintomas gripais. Ainda que algum desses jogadores seja liberado pelos médicos, a tendência é que a equipe titular não sofra alterações.

Provável escalação do Guarani: Jefferson Paulino; Pablo, Bruno Silva, Romércio e Bidu; Deivid, Eduardo Person, Arthur Rezende e Lucas Crispim; Júnior Todinho e Waguinho.

VAVEL Logo