Técnico do Atlético-PB acredita em uma boa campanha da equipe na Série D
Foto: Reprodução/TV Paraíba

A Série D irá ter inicio em setembro. Na competição nacional grandes equipes vão tentar um acesso para voltar aos seus tempos de glória e acalmar o seu torcedor, mas outros times querem ascender no cenários nacional e se consolidar em uma liga nacional. É o caso do Atlético-PB, que fez uma boa campanha no estadual e é apontado como uma das favoritas no Grupo 3.

Mas a vida do time de Cajazeiras não vai ser simples. No seu grupo está América-RN, Campinense, Floresta, Globo, Guarany de Sobral, Afogados e o Salgueiro, o último campeão pernambucano. Para piorar a parada por conta da pandemia atrapalhou o planejamento da equipe, mas nada que pudesse preocupar o torcedor.

Mesmo aos 38 anos, Éderson Araújo, sendo um dos mais jovens treinadores da competição, está desde 2017 no cargo. Ano passado ele levou a equipe até a terceira colocação do estadual. Além do mais o time foi o melhor ataque, ao lado do Botafogo e conquistou o segundo maior número de vitórias e o menor número de derrotas ao lado de Botafogo e Sousa, com apenas dois revés. 

Araújo lamentou a desclassificação no estadual, mas valorizou a montagem da equipe para a construção de uma forte campanha na Série D. 

"Tínhamos tudo para conseguir uma classificação, para as semifinais, mas por detalhe não conseguimos. Agora é montar um time competitivo para a Série D. Já contratamos alguns atletas experientes e estamos conversando com alguns. Acreditamos que podemos qualificar o elenco, deixar ainda mais forte, mais experiente, para poder classificar a equipe", afirmou.

O treinador ainda comentou sobre os principais adversários da equipe e destacou a força da chave do Atlético-PB, além de enfatizar que todos os adversários tem qualidade e que é necessário foco para chegar longe na competição.

"Não tem adversário fácil, todos os jogos vão ser difíceis, mais o Salgueiro, por ser o campeão estadual. Além disso tem o Floresta, que remontou a equipe e está trazendo atletas muito experientes. O Afogados que foi muito bem. E o América-RN que é muito forte, tem mais orçamento e muita tradição. Todas as equipes que vamos enfrentar são qualificadas, nenhuma será fácil. Os jogos serão definidos no detalhe e estamos que estar preparados para isto, para conseguir nossos principais objetivos," comentou. 

Um dos trunfos é a consolidação do trabalho do técnico Éderson Araújo, que vem de quatro temporadas de muito destaque pelo time. Em 2017 e 2019 ele levou a equipe na quarta e terceira colocação e mostrou um trabalho sólido, que vem recebendo respaldo da diretoria.

"Vai fazer quatro temporadas que estou no Atlético. isso é muito bom, de saber da confiança que a diretoria deposita em mim. Estamos fazendo bons trabalhos. Agora na Série D acreditamos que essas contratações possam ajudar com que a equipe possa conseguir o acesso para a Série C. Vamos fazer uma grande competição e brigar pelo acesso," completou.

O Atlético-PB estreia na Série D dia 19 de setembro, diante do Globo, ainda sem data e local definido. 

VAVEL Logo